04 janeiro, 2008

A atribulada vida dos famosos


A noticia apareceu ontem nos principais jornais diários portuguesas e acredito que a mesma só venha dar continuidade à polémica que foi criada à volta da suposta Homossexualidade do famosissimo actor Tom Cruise desde que o mesmo ficou nas luzes da ribalta em resultado da sua participação no mítico "top-gun"(asas indomáveis).
O referido actor ameaçou processar o escritor britânico Andrew Morton (conhecido por ter escrito a controversa biografia da falecida princesa Diana) caso se concretize os rumores de que o mesmo se prepara para insinuar no seu novo livro que a orientação sexual do actor norte-americano era Gay.

Parece que o escritor
contratou o ex-astro do cinema Pornográfico Gay Paul Barresi,que hoje exerce funções de detective privado,para conseguir provas inegáveis sobre a alegada homossexualidade do actor,mas pelos vistos as conclusões finais de Paul Baressi não foram do seu inteiro agrado, já que o mesmo após 5 anos de investigação afirmou não ter obtido qualquer indicio de que o Tom Cruise fosse Gay.
É verdade minha gente!!!
Paul Barresi, o mesmo homem que há 20 anos atrás chocou o mundo do cinema quando afirmou ter tido um "affair" de 2 anos com o mediático actor John Travolta (que lhe valeu um processo por calúnia e o deixou teso!) e que actualmente está a escrever uma biografia pessoal (Pellicano's Enforcer) onde relata as relações "intimissimas" que ele jura ter mantido com nada mais nada menos do que Tom Cruise, Antonio Banderas, Eddie Murphy, Sylvester Stallone, Arnold Schwarzenegger, Randy Travis, Garth Books e Andréa Boccelli entre outros (Chiça!! Como pôde ele se esquecer do João Baião e do Luis Goucha?), vem agora dizer que tem a certeza absoluta que o Tom Cruise é muito macho!!
Quer-se dizer...jura que dormiu com ele no passado mas agora afirma que ele não é rabichola!!
Hilariante....
Mas que grande detective me saiu este Barresi!!!


Enfim...

O ditado já é bem antigo mas ainda assim está cada vez mais actual:"Não deixes que a verdade venha a estragar uma boa história" e hoje em dia, o conceito de "boa história" passou a ser destruir as vidas alheias.
Para mim,este caso que envolve o actor Tom Cruise está muito longe de ser sequer um caso!

Todos nós sabemos que a maioria das pessoas envolvidas no mundo da TV,sétima arte e "show-business" possui uma orientação sexual nitidamente Homossexual ou pelo menos Bissexual!
E daí? é preciso fazer um drama por causa disso? Eles não possuem esse direito?
Será que, a confirmar-se as suspeitas de que o Tom Cruise gosta de levar no pacote de vez em quando,isso vai passar a afectar a nossa vida??
Que interesse tem isso? Não temos mais nada em que pensar?Vai encher o nosso frigorífico? Vai afectar a nossa auto-estima? Vai condicionar a nossa performance sexual?
O Andrew Morton poderá até ser um grande escritor (não o nego),mas acabou de provar ao mundo inteiro de também ser uma pessoa extremamente mesquinha!!!.

Eu estou muito longe de ser um defensor dos direitos homossexuais (aliás,a maioria das vezes até gozo com eles) mas sou suficientemente adulto para entender que uma coisa é mandar umas piadas no café,no autocarro,no metro,no local de trabalho ou na Internet ...e outra coisa é escrever-mos um livro cuja única finalidade seja fazer juízos de valor e explorar as possíveis fragilidades de um ser humano para de seguida obter benefícios próprios à conta delas.

Por isso...só espero que um dia o Andrew Morton venha a ser também ele envolvido numa actividade sexual "embaraçosa" e sinta in persona a agonia de ser destruído pela sua própria mesquinhez!!

3 comentários:

  1. Os filmes que passam nalgumas cabecinhas doentes são hilariantes, autênticas comédias!!

    ResponderEliminar
  2. Veja o meu blog.

    http://blogdaluzfosca.blogspot.com

    O seu comentário é importante para mim.

    ResponderEliminar
  3. Jasmim,para os "Morton's" e os "barresi's" isto deve parecer de facto uma grande comédia,mas para os tipos como o Tom Cruise isto já parece mais um filme de terror..

    Bjs

    ResponderEliminar

A frase mais estúpida que poderá ser dita aqui é: "Para Pensador pensas pouco..."
A mais inteligente é: "És tão lindo Pensador..."