29 maio, 2008

Incentivo à Natalidade - Parte II

5 comentários:

  1. Pensador, queria dizer "desincentivos", não era?

    :-)


    Bjs

    ResponderEliminar
  2. ehehehehehe!!!!!
    Esta tá muito boa!!!
    Opá mas nós não sabemos no que é que os nossos filhos se podem tornar!
    Nem quero imaginar...como lidar com uma situação dessas, pergunto?

    ResponderEliminar
  3. No meu tempo dizia-se: Tens boa voz...para escrever à máquina.
    Neste caso tens boa boca para engolir...microfones (que forma esquesita de designar a coisa)?? Sabem o que vos digo, já nenhum pai pede para o filho ser perfeitinho...agora só pede para não ser parecido com este.

    ResponderEliminar
  4. O que era suposto conseguir ver? Num bejo náda (isto mais impacto se for lido com sotaque nortenho!)

    Beijo e bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  5. Ni, já que os homens já podem engravidar, tens que reconhecer que é inegavelmente um incentivo, né?
    Ainda por cima o PS anda tão apostado em legalizar o casamento Gay que achei por bem fazer este cartaz a condizer um pouco com os desejos desse partido...

    Bird, Se um dia o teu filho se tornasse Gay,seria extremamente complicado ter que lidar com essa situação.
    No teu caso, o instinto materno faria com que nunca lhe vires as costas porque no fim de contas a bem ou a mal ele será sempre teu filho.
    Mas no caso do teu marido, a coisa já muda de figura.
    Um homem jamais aceitaria essa situação, a vergonha seria demasiado grande.
    Por mais filmes que possas ver na televisão que mostram pais emocionados a abraçar o seus filhos que se tornaram Gays,acredita que na vida real isso jamais acontece e ficarias na delicada situação de ter que escolher se preferes perder um filho ou um marido.
    Acho mesmo que a única coisa que podes realmente fazer é perder as esperanças de ser um dia avó...
    (Mas não tens que aturar Noras o que é menos mau..)

    Victor, está muito boa sim senhor!
    hehehehehe......

    Cristina, pudera!
    Mas se também estivesses com ideias de "Bejar" este gajo, bem que poderias tirar o cavalinho da chuva..
    Mas sobretudo, nunca cometas o erro de deixar o "cavalinho" com ele....

    :-))))

    Abs

    ResponderEliminar

A frase mais estúpida que poderá ser dita aqui é: "Para Pensador pensas pouco..."
A mais inteligente é: "És tão lindo Pensador..."