07 fevereiro, 2011

Não sejas tão radical!!

Diálogo inspirado num post da Ni, mas apenas imaginário, infelizmente. Porque merecido seria, certamente.

- Traíste a tua mulher?
- Eh pá, não sejas tão radical. Foram só uns beijos e uns apalpanços. Não fui com a gaja para a cama. Mais a mais, homem que é homem não consegue fugir a uma provocação.
- Nisso tenho que concordar contigo inteiramente, outro dia aconteceu-me algo igual.
- A sério?
- Sim, fui ao Shopping do Brasilia para comprar umas sapatilhas e na loja da Nike conheci lá uma boazona que se atirou a mim e a coisa rolou bem...
- Ah campeão! É assim mesmo! Nada de perdoanços. Mas tem graça que tenho a minha mulher que trabalha como vendedora na loja Nike do Brasilia, pode até ser que a conheça. Que aspecto tinha mesmo essa dita boazona?
- Pá, a miúda era linda, loira, olhos azuis, prá ai uns 25 anos no máximo. Acho que o nome dela era Natalie.
- NATALIE?? Pá! Porra! Tu fostes traír-me com a minha mulher?
- Eh pá, também não sejas tão radical. Foram só uns beijos e uns apalpanços. Não fui com a ela para a cama. Mais a mais, homem que é homem não consegue fugir a uma provocação.



Uma traição nem sempre é encarada como algo ruim...

6 comentários:

S* disse...

Para mim, sequer pensar em trair... já é traição. radical, bem sei!

NI disse...

Definitivamente estou a ficar velha e fora de moda...

Francisco o Pensador disse...

S*, tu bota radical nisso...hehehe
Nem 8 nem 80. Os pensamentos só prejudicam quando são traduzidos em actos. Ao longo da nossa vida vamos alimentar imensas "fantasias" no nosso imaginário, no sentido de combater o tédio e a rotina sexual, tipo dar umas cambalhotas com a Angelina Jolie (Brad Pitt no teu caso) mas seguramente que não te passa pela cabeça que tenho possibilidades de fazer isso, pois não?
Mesmo na rua, quantas vezes já te correu cobiçar alguém bem parecido, mas isso não quer dizer que vais saltar para cima dele que nem um animal a sofrer do cío, pois não?
Não importa o que somos por dentro, são sempre os nossos actos que definem quem somos na realidade.
:)

Nina, Esse mal toca-nos a todos. Ainda não ouvi falar em ninguém que tenha ficado mais novo com o decorrer dos anos. Se os houver, serão casos rarissimos certamente.
E ficar mais velho e ainda assim manter-se bonita como tu, mais raro ainda.
:)

NI disse...

Francisco, não quero te preocupar longe disso, mas parece-me que o teu problema visual agravou-se significativamente.

Ahahahahah

Beijo

Quadrada disse...

Genial!
Gosto sempre quando são os próprios homens a dar a devida resposta aos outros homens...os ditos atrasados mentais.

Francisco o Pensador disse...

Quadrada, bem vinda.
Neste caso concreto tratou-se de uma resposta imaginária para uma conversa bem real e relatada pela minha amiga NI.
Faço isso muitas vezes para exercitar o meu cerébro e demonstrar ás pessoas o tipo de coisas que eu seria capaz de responder caso a situação se passasse comigo.
Não tenho nada contra as pessoas que gostam de molhar o bico fora do penico, cada qual que se safe como puder mas...há que saber ser homem e ter carácter!
Detesto Fanfarrões. Por alguma razão alguém inventou em boa hora a palavra "Sigílo".

Obrigado pela tua visita e volta sempre. :)