16 junho, 2011

Haja dinheiro e tudo se resolve...



Portugal é um país tão bondoso, tão bondoso, mas tão bondoso...que até se dá ao prazer de ser indulgente e passar com nota 10 (numa escala de 0 a 20) todos os candidatos a magistrados que são apanhados a copiar em testes de aptidão para o desempenho de futuros cargos na justiça.

É por estas e por outras que a justiça portuguesa está do jeito que está e cada dia que passa vai gozando de menos crédito. Alguém que seja apanhado a copiar não deve ser imediatamente chumbado? Que história é essa de passar tudo com nota 10 por não haver tempo para repetir exames? É repetir o curso todo! Se copiou, só tem que pagar por isso!
Esta complacência do CEJ é arrepiante e vergonhosa. Como é possível ser-se tão indulgente para com sujeitos que estão a ser formados para castigar os prevaricadores?
Será que a desembargadora Ana Luísa Geraldes, directora do Centro de Estudos Judiciários (CEJ), também fez copianço nos seus tempos de universitária, tornando-a de certa forma....sensível ao problema?
No mundo da justiça exige-se que todos os cargos sejam ocupados por pessoas sérias, idóneas e honestas. Na minha opinião, os magistrados que foram apanhados a copiar ficaram com a reputação ferida de morte, porque revelaram a presença de um mau instinto, e não podem desempenhar funções dentro do mundo da justiça. Se eles são aldrabões e desrespeitadores das regras e das leis, como podem eles se achar com moral para julgar seja quem for?
Chamo a isso hipocrisia.

3 comentários:

  1. Para além de hipócritas são burros!
    Já que estavam a copiar, alteravam as respostas, que estavam literalmente "copy paste" .
    Mesmo assim, é reprovável. Eu até tenho medo desta nova vaga de doutorados, licenciados e afins!

    ResponderEliminar
  2. Dys, eu não posso dizer que sinto medo porque quem não deve também não precisa de temer. Basta nunca "dever" nada à ninguém para não ficar sujeito a responder perante a justiça que alberga estes cromossomas.
    Agora...esses "Doutorados, licenciados e afins" que estão a desembocar no mundo da medicina...esses sim, criam-me arrepios!

    ResponderEliminar
  3. Quando me referia a esses "Doutorados, licenciados e afins" estava a falar no geral, não apenas no campo da justiça.

    ResponderEliminar

A frase mais estúpida que poderá ser dita aqui é: "Para Pensador pensas pouco..."
A mais inteligente é: "És tão lindo Pensador..."

Pensador vai às compras...

Sabem aquela sensação horrível que temos por vezes quando estamos na fila de um qualquer Hipermercado e estamos a modos que enervados, ...

Para recordar...