Seguidores

28 janeiro, 2008

Os espinhos da indiferença...

Para uma amiga especial...


"Se a indiferença provém de quem amas,tenta conhecê-la mais profundamente e aprende a amá-la.."

15 comentários:

  1. Tal como dizia Cícero, existirá algo mais agradável do que ter alguém com quem falar de tudo como se estivéssemos falando connosco mesmos?

    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Esta frase é uma metáfora para o saber perdoar?É uma metáfora para a a paz interior?É isso?Hmmmmmm

    jinhos

    ResponderEliminar
  3. É mesmo isso!!!
    Se alguem a quem amas se mostra indiferente, quer por acções quer por omissões, para com o teu amor,empenha-te com seriedade em compreender as razões de tal indiferença e vais ver que essa indiferença, mais não é que a forma que essa pessoa tem de te amar... Quando aí chegares, a "indiferença" deixa de ser indiferença e passa a ser uma forma de amar com a qual aprenderás a conviver...
    pinxexa

    ResponderEliminar
  4. Pinxexa,não conseguiria dizê-lo melhor do que tu!
    Compreendestes perfeitamente o sentido da minha frase.
    Bravo!!

    Bjs

    ResponderEliminar
  5. O problema é que eu concordo com Érico Veríssimo quando afirma que "O oposto do amor não é o ódio, mas a indiferença".

    Não consigo entender como é que a indiferença possa ser uma forma de amar.

    Bjs

    ResponderEliminar
  6. Ni, Érico Verissimo a semelhança de qualquer mortal que se preze,não detém verdades absolutas e só possui opiniões com as quais se concorda ou não.
    Mas aconteça o que acontecer,nunca deixará de ser isso mesmo: Uma Opinião.

    Agora...se por uma via vejo-te muitas vezes a citar as impressões pessoais de outros,por outra gostaria mais de conhecer e ouvir o que costuma dizer o teu coração.

    Aquilo que vês como indiferença, também a sentes como tal?

    Quando questionas "como é que a indiferença pode ser uma forma de amar", temos que partir do pressuposto de que a "indiferença" é um dado adquirido,uma verdade absoluta!
    E que te faz sentir "segura" de que estás perante uma indiferença?

    Tu vê-la como tal...mas ele pode não ver as coisas assim.

    Bjs

    ResponderEliminar
  7. Tu hoje estás a dar bem...

    Vamos lá ao que o coração (e razão) diz:

    Para mim é um dado adquirido.

    O que me faz sentir segura de que estou perante uma indiferença? Factos

    Eu vejo como tal.

    Ele? Quando confrontado não responde. Será que quem cala consente? Ou entende que não merece resposta? Ou não se quer aborrecer? Ou entende que não tem que dar justificações?

    Bjs

    ResponderEliminar
  8. Um bom fim-de-semana para ti Amigo

    Bjs

    ResponderEliminar
  9. O seu silêncio poderá ter uma origem.
    Talvez ele não saiba como lidar com essa situação e no receio de dizer ou fazer uma "cagada" prefere manter o silêncio.
    Ni,nem todos nós estamos preparados para saber lidar com o mundo das emoções.

    Se ele não se justifica,talvez seja por confiar demasiado em ti.
    "Nunca te justifiques, os amigos não precisam e os inimigos não acreditam " (prov. arabe)

    Talvez ele te conheça até demasiado bem e saiba a forma muito intensa com que tu sentes as coisas e não queira desenvolver o assunto por auto-defesa.

    "Um cancro alimentado é um cancro em crescimento"

    Mas se ainda assim continuas a acreditar de que se trata de uma indiferença,então já te disse Ni.

    Testa-a....

    Bjs

    ResponderEliminar
  10. Um bom fim de semana também para ti amiga.

    Bjs

    ResponderEliminar
  11. Tu hoje estás mesmo a dar forte.

    Espero que esteja tudo bem.

    Bjs

    ResponderEliminar
  12. Ni,porque dizes que eu estou a dar forte?

    Será por as minhas palavras parecerem fazer todo o sentido?...
    Ou por elas te fazerem ganhar um novo sentido?

    Bjs nina.

    ResponderEliminar
  13. Foi dito aqui que a indiferença pode ser uma forma de auto defesa, por ser manter em silêncio e não dizer nada. Mas quando essa diferença às vezes mostra um lado curioso, algo mais ou menos assim: "sou indiferente mas como você está reagindo sobre isso"?
    Seria o lado inseguro do indiferente???

    ResponderEliminar
  14. o que eu estava procurando, obrigado

    ResponderEliminar

A frase mais estúpida que poderá ser dita aqui é: "Para Pensador pensas pouco..."
A mais inteligente é: "És tão lindo Pensador..."