29/07/2018

Gostariam de ser milionários?

Lembram-se daquele programa chamado "Quem Quer Ser Milionário?" que foi produzido pela Endemol Portugal, transmitido pela RTP e apresentado sucessivamente por Carlos Cruz, Maria Elisa, Diogo Infante, Jorge Gabriel e Manuela Moura Guedes? Um programa com um titulo bastante enganador, devo dizer, já que o prémio máximo atribuído era de 100.000 Euros e ninguém a viver em Portugal poderia considerar-se milionário dispondo apenas dessa soma. Muito mais honesto teria sido chamar o programa de "Quem Quer Ser Miliardário?", mas acredito que para efeitos televisivos isso não pudesse soar tão bem. Mas adiante. Nesta altura já devem estar curiosos por saber a razão de eu vos ter colocado esta pergunta e a vossa sorte é que sou realmente obrigado a responder-vos caso contrário este post ia parecer apenas parvo. Acho que se colocássemos a pergunta citada no inicio deste texto a todos os seres humanos do planeta, todos eles responderiam que gostavam de o ser e alguns até matariam para o ser, mas, e se eu vos dissesse que há determinados países no mundo onde não basta alguém ser milionário para deixar de passar fome e que chega a ser necessário tornar-se quase bilionário para poder viver condignamente? Já alguma vez imaginaram um país onde praticamente toda a população é milionária e onde o salário de um mês inteiro de trabalho permite apenas comprar meio quilo de costeletas de porco ou 2 cafés com leite? Já imaginaram gente milionária a trabalhar em troca de 2 quilos de feijão preto ou ser obrigada a ter que remexer o lixo do rua para tentar encontrar algo que possa matar a fome dos seus filhos? E já imaginaram que esse país possa ter sido até a década de 90, o país mais rico da América Latina e o 4º mais rico do mundo? Eu jamais conseguia imaginar tal coisa e, já por isso, hoje fiquei completamente atónico com o teor desta noticia. Meus amigos, nada de que vos contei tem um pingo sequer de exagero. Esse país existe sim e chama-se Venezuela.
Segundo o trabalho realizado pelo JN, há um ano, um café com leite numa padaria de Caracas custava 2300 bolívares, depois em Abril de 2017 atingiu 190 mil bolívares, em Junho passou o milhão, na semana passada, atingiu 1,4 milhões e na quinta-feira, quando o presidente carrasco da Venezuela Nicolás Maduro anunciou para 20 de Agosto a reconversão da moeda e a sua redução em cinco zeros, já batia os dois milhões, o que corresponde a um aumento da taxa de inflação na ordem do 1 227 638 por cento, que estará preste a atingir recordes históricos da Alemanha do pós Guerra e do Zimbabué de Robert Mugabe, no início deste milénio. A situação ficou tão dramática que até o Metro, cujo bilhete custava 4 Bolívares, teve que se tornar gratuito para que a economia da capital pudesse continuar a avançar, porque era impraticável cobrar bilhetes às pessoas nos guichets das estações, já que isso iria obrigá-las a carregar milhões dentro da carteira e teriam que perder horas a fio apenas para contar o dinheiro. Nicolás Maduro ainda tentou lançar uma medida desesperada, criando uma moeda virtual - o petro - para tentar relançar a economia mas o seu governo está tão desacreditado pela comunidade internacional, nem o próprio está legitimado para negociar com o FMI (Fundo Monetário Internacional), que muito dificilmente a Venezuela vai conseguir ver terra à vista e o barco vai continuar à deriva até que alguém fique verdadeiramente enervado e decida acabar com esta palhaçada metendo uma bala no meio dos cornos do presidente. Peço-vos desculpa pela linguagem utilizada mas há pessoas que são tão desumanas e casmurras que só apetece agarrar nelas e atirá-las para a fossa dos crocodilos. Até hoje julgava que só o Bruno de Carvalho conseguia ser tão estúpido e casmurro, mas já vi que ao pé deste bigoducha ele não passa de um menino, e pelo menos ele pode sempre alegar que só conseguiu prejudicar o Sporting e que, até o momento, ainda ninguém morreu à fome por sua causa. Meus amigos, muito francamente não sei o que vai acontecer doravante com aquela gente. Se nada for feito é possível que a situação venha a ser tão dramática que obrigue as pessoas a matarem-se uma às outras para ter algo para comer, senão mesmo comerem-se umas às outras, fazendo com que o próximo milhão conhecido naquele país seja o numero de vitimas que morreram à fome. Se bem conheço o mundo, e à semelhança do que já  aconteceu no passado quando os Hutus começaram a matar os Tutsis na Ruanda, provocando 1 milhão de vitimas, quando as imagens de pessoas em total agonia começarem a invadir os nossos televisores, muita gente irá parar de comer para deixar escapar um "que tristeza, coitados" perante os filhos, para em seguida...continuarem a comer com toda a calma do mundo e agradecerem baixinho à Deus por tudo aquilo estar a acontecer do outro lado do Atlântico.

Enfim, não sei se vai haver muita gente a querer rezar por eles - quando o dinheiro não é abundante, apenas nos resta as orações - mas eu pelo menos vou rezar para que nenhum de nós seja alguma vez obrigado a conhecer e ter que enfrentar esta dura realidade. Ainda há quem continue a achar que Portugal tem problemas? A sério? Calem-se seus palhaços!



Imagem daqui

24/07/2018

"Influencer" ou não, eis a questão...

Resultado de imagem para pipoca mais doce
Imagem daqui

Brevemente vou deixar aqui um post que vai deliciar-vos a todos, ou pelo menos a todos aqueles que, à semelhança de mim, revelam ter um muito mau gosto para ler/escrever posts, mas, enquanto ele chega e não chega, gostaria de revelar-vos a boa nova que acaba de acontecer no reino das poneizinhas e das "Barbies" adultas (tal a quantidade de base, maquilhagem e batom que elas gostam de meter no rosto...), fanáticas por Sushi, viagens à pala e bijutaria barata, ou também conhecido por ser o reino fantasia da "Pipoca mais Doce". Parece que a filha da blogger mais conhecida de Portugal, Ana Garcia Martins, que teve a lastimosa sorte de receber o nome de Benedita, já nasceu e está bem de saúde, mas como o seu nascimento resultou de  um parto prematuro ela ainda permanece no Hospital aos cuidados dos serviços de neonatologia que, coitadinhos, estão a desdobrarem-se em esforços para tratá-la muito bem devido ao receio de poderem ser mal falados no blogue. A Pipoca, por sua vez, para além da felicidade de ter visto nascer um 2º rebento na família, deve estar radiante por saber que dos 12.147 seguidores que ela tem no seu blog, somados aos triliões que ela goza ter no Instagram e no Facebook, ao fim de 3 dias já ouve cerca de 120 internautas que quiseram endereçar-lhe os seus parabéns. Sim, não há qualquer engano nem sequer uma ponta de exagero, vocês ouviram mesmo bem. Até esta hora já foram depositados 125 comentários na sua caixa (e acho que nem todos eram de parabéns) o que, apesar de representar apenas 1% do potencial total, não deixa de ser considerado um feito verdadeiramente notável! 

Considero notável porque nunca imaginei que pudesse haver (ainda) tanta gente a demonstrar tamanha simpatia por ela já que ela passa a vida a desfilar como um pavão (já que a pavoa não é tão bonita) e a tentar meter inveja na cabeça do mulherio todo, mas, se ainda havia dúvidas, acho que pelo menos dessa forma fica definitivamente provado que se trata de uma verdadeira Influencer...

12.000 seguidores? Se não fosse tão educado saberia muito bem dizer-lhe onde é que ela poderia metê-los...hahaha :)))

22/07/2018

Isto há cada um!

- Hoje fiquei muito admirado contigo...
- Comigo? porquê?
- Passei por ti no Minipreço e estavas a fazer uma figura um bocadinho péssima.
- Eu? Estás bem? Que raio me viste fazer?
- Não estiveste algum tempo em frente à porta principal a conversar com o Marco Gigano?
- Sim, estive, e depois?
- E tu dás-te com aquela gente?
- Que tem..."aquela gente"?
- Porra, bem conheces a fama deles. Aquele gente não é de confiança e só arma confusões para onde passa.
- Pois, mas a mim respeitaram-me sempre e nunca armaram confusão nenhuma.
- Porque não tiveram ainda a oportunidade, mas não estejas preocupado que um dia vai acontecer. E o pior é que ainda podes passar por andar metido com eles.
- Amigo, vou dizer-te uma coisa. No meu mundo não há lugar para pretos, chineses, índios ou ciganos. Para mim são todos seres humanos.
- Eu sei disso, nunca disse que não eras uma pessoa correcta, mas estás a ser demasiado correcto. És uma pessoa inteligente, vais me dizer que nunca te meteu impressão a maneira como eles se apresentam na sociedade?
- Não amigalhaço, a única coisa que consegue meter-me impressão são os preconceituosos como tu.
- Estás a ofender-me!
- Então baza daqui ó morcão que a tua conversa já está a meter-me nojo.
- Mas Francisco...??
- Baza, já disse!!

Resultado de imagem para preconceito
Imagem da Net

21/07/2018

Coisas que eu estranhamente adoro...

Adoro quando as pessoas se põem a dizer:"Oh meu Deus as pessoas"...como se elas não fossem pessoas também...

Este estranha mania que temos de estarmos sempre a apontar o dedo aos outros, sem nunca conseguirmos dar-nos conta de que, para cada dedo nosso apontado, estão muito outros com o dedo apontado contra nós.

Sabem que mais? tive uma ideia. E se em vez de darmos tanta calinada na língua de Camões e dizermos tantas parvoíces, barbaridades, baboseiras, e palavrões, como tem sido apanágio da maioria das pessoas que gostam de circular pela Net fora, optássemos antes por dar um pouco mais de cor à vida para ver se ela fica um bocadinho mais sorridente e divertida? não acham que seríamos bem mais felizes e que o planeta seria capaz de girar bem melhor?
E porque nunca gostei de perder tempo e sou daquele tipo de pessoa que sempre gostou de assumir a dianteira, aqui vai o meu contributo...


[2008013003093317.jpg]
Vamos dar cor à vida, by Francisco o Pensador...


20/07/2018

Crónicas corriqueiras do dia à dia...Parte 1

Mas que louco mundo este que se revela a cada dia perante nós...

Algures nos Açores, mais concretamente na Ilha Terceira, no mesmo dia em que o Parlamento decidiu chumbar a proposta apresentada pela PAN para a abolição das touradas em Portugal - ainda que tenha sido também ele a aprovar no passado uma bonita e muito vistosa legislação que visava  condenar a violência sobre os animais -, um homem foi filmado a tourear na rua com uma criança nos braços. O video que foi inicialmente publicado na página de Facebook da Comissão das touradas e Bodo de Leite – Festas da Casa da Ribeira 2018 - e que pode ser visto aqui -, mas que, face à polémica gerada, acabou depois por ser retirado, mostrava um homem másculo, muito seguro de si e todo orgulhoso, e provavelmente todo bêbado também, a tourear um animal com mais de 400 quilos, totalmente indiferente aos apelos feitos pelo público, colocando a sua vida em risco e da que aparenta ser do seu próprio filho. Desta vez correu tudo bem, é verdade, e por força disso este animal de mais ou menos 100 quilos - mas que deve ter cornos igual - passou seguramente a semana toda a cagar na cara dos vizinhos que tinha os tomates maiores que os do touro (coitado!), mas nem quero imaginar o que teria sido para a vida daquele homem se alguma coisa tivesse corrido mal. Imaginem que a um dado momento ele tivesse perdido o equilíbrio, tropeçado na corda ou algo assim do género, e depois caísse no chão, sendo em seguida colhido pelos cornos do touro? Será que iria martirizar-se pelo resto da sua vida pela burrice pouca sorte que teve nesse dia e que foi a causadora da morte do seu filho? Ou será que iria jurar vingança e amaldiçoar todos os touros do planeta, passando o resto da sua vida a matar todos aqueles que lhe aparecessem no caminho? É que aquele homem, ainda que não esteja vestido de palhaço, parece gostar bastante de fazer circo, e não parece gostar muito de assumir as suas responsabilidades, porque caso contrário, não seria tão irresponsável a ponto de colocar a vida do seu próprio filho em perigo.


Pai toureia com criança ao colo nos Açores from ANIETIC on Vimeo.


Algures em Cascais, mais concretamente na Avenida de Alcabideche, na madrugada de Sábado um camião de grandes dimensões decidiu atravessar a avenida carregado com duas gruas que tinham sido utilizadas numa obra de construção civil ali por perto, mas a sua altura excessiva acabou por fazê-las embater numa ponte pedonal, provocando a sua queda e o corte da via durante várias horas. A habilidade dos portugueses para conduzir é mesmo fenomenal. Se não fosse os nossos amigos da Rússia, que são largamente muito mais malucos do que nós, ninguém conseguiria suplantar a nossa fama de "Campeões do volante"...e carros espetados contra as paredes. Provavelmente as ditas gruas não foram carregadas conforme ditam os regulamentos; provavelmente havia sinalização na via a indicar os limites máximos que os veículos tinham a obrigatoriedade de respeitar para conseguirem passar por debaixo da ponte, e , provavelmente, o motorista, os empregados que carregaram as gruas, o dono da obra e os patrões da empresa responsável por este acidente decidiram todos cagar para tudo isso. "Vai agora depressa ó meu grande morcão, que pouco minutos passam da meia noite e à esta hora não costuma haver policiamento na avenida e podemos poupar uns cobres na licença de transporte, mas pelo amor de Deus tu sê-me discreto, ouviste? Não sejas palhaço e não chames demasiado a atenção, do tipo...foder uma ponte pedonal com uma das gruas ou algo assim do género, ouvistes? hahahaha ok, descansa meu que estava a brincar! estavas mesmo a imaginar uma coisa dessas a acontecer? Que tolo...". Bem, ou se calhar, provavelmente, era capaz de não haver sinalização nenhuma porque alguém esqueceu-se de instalá-la na via (também é uma possibilidade) mas o que é certo, é que, de uma forma ou de outra, alguém acabou por fazer merda....e em Portugal, quando alguém faz merda, nunca ninguém quer assumir a responsabilidade de limpá-la.

Resultado de imagem para camião grua ponte pedonal
Imagem da Net

E algures na Rússia, mais concretamente...no Mundial da Rússia 2018 (sei-lá), a FIFA divulgou, através de Frederico Addiechi, que tencionava falar (ou já falou) com os canais de televisão internacionais para que fossem reduzidas as imagens de mulheres consideradas “atraentes” nas bancadas dos estádios de futebol (Hahahahahahahahahahahaha). Parece que esta medida vem na sequência de vários casos de assédio a jornalistas, feitos em directo a partir do estádio por alguns adeptos de futebol, tendo imediatamente originado uma cachuchada de queixas e acusações de sexismo contra o principal organismo que regula o futebol. Pretende-se dessa forma que as imagens transmitidas sejam mais equitativas, mostrando as velhinhas, velhinhos, feios, feias, desdentados(as) e gordos(as) e também as crianças que seguramente não devem estar presentes nos estádios por falta de segurança mas que vão ter de arrancar da casa de alguém para dar a ilusória ideia de que o futebol interessa à todas as gerações, em vez de canalizar as atenções dos espectadores apenas para as "boazonas" que gostam de povoar os estádios de futebol. Tenho para mim que as mulheres bonitas embelezam qualquer bom espectáculo, mas lá está, é apenas a opinião de quem continua a achar que as mulheres bonitas são essenciais ao mundo, assumindo uma posição totalmente contrária àqueles que defendem a real necessidade de abatê-las. Pergunto-vos: conhecem alguém que goste de procurar um bar, um restaurante, um invento importante ou uma festa por esta estar carregada de gente feia, velha ou grostesca? Obviamente que, seja numa vertente humana, artística ou paisagista, a maioria das pessoas procura sempre o novo e bonito e muito má seria a evolução do mundo se assim não fosse. Ninguém anda aqui a dormir e sabemos bem que este repentino interesse do público feminino pelo mundo da bola está muito longe de ter nascido por um mero acaso, a não ser que o "mero acaso" seja o mesmo que fez a Pamela Anderson tornar-se conhecida no mundo inteiro, mas agora que estamos habituados a vê-las serem protagonistas dos momentos desportivos mais bonitos que o mundo do futebol guarda memória de ter presenciado até hoje - cuja foto publicada em baixo retrata um bonito e fiel exemplo -, porquê que nós, o público que nunca gostou de desporto mas que agora passou a gostar imenso, haveríamos de ser privados de tudo isso? Protesto. Protesto. Protesto, e declaro que acho tudo isso muito injusto...para não dizer totalmente inútil e ridículo. Senão vejamos. O próximo Mundial de futebol (2022) não vai ser realizado no Qatar? E a FIFA acredita mesmo que um pais islâmico tão conservador como esse...vá permitir, devido à sua religião e à pressão exercida pelos países vizinhos, que as mulheres - que normalmente usam Burkas nas ruas - se ponham a mostrar decotes e mamas nos estádios de futebol? Coitadinhos! os operadores de câmara seriam logo chicoteados e as mulheres apedrejadas na praça pública. Na verdade, esse já promete ser o mundial mais aborrecido da história do futebol. Com altas temperaturas, tudo obrigado a ficar muito bem vestido e tapadinho, sem nada ao léu, sem samba, apalpanços, e totalmente proibidos de beber álcool? Uiiii, vai ser desta que os hooligans ingleses, germânicos e holandeses vão todos morrer à sede. Mas em contrapartida vai ser giríssimo ver aqueles Ali-babas e Emires todos a desfilar nos estádios com os dentes carregados de ouro e os sovacos lavados com petróleo, para ver qual deles vai ser eleito o Emir mais bonito/popular/fantástico do Mundial...


Imagem relacionada
Imagem da Net

17/07/2018

Que coisa mais estranha...

E que nome se pode dar...
...às pessoas que passam a sua vida a falar mal...
...das pessoas que passam a vida a falar mal dos outros?


Tentei responder a isto mas o meu cérebro acabou por dar um nó.

09/07/2018

Pensamento do dia....

Quando receamos o nosso futuro, viramos a cara à luta, evitamos o desconhecido, fugimos aos desafios e abrimos mão dos nossos sonhos...
Será por termos coragem de desistir...ou será por medo de fracassarmos?


Há mais pessoas que desistem, do que pessoas que fracassam!... Frase de Henry Ford.
Imagem daqui

"Há mais pessoas que desistem, do que pessoas que fracassam"...(Henry Ford)

08/07/2018

Doutor Zeca...

Imagem daqui

E após mais de 20 anos de compreensível insistência, enquanto afogava as mágoas, tristezas e frustrações na bebida, ressacas mal curadas, saídas e recaídas, e um percurso profissional em constante declínio - chegando mesmo a ponto de ter que se humilhar com o papel de jurado no concurso "A tua cara não me é estranha" -, o actor José Carlos Pereira (Zeca) lá conseguiu encontrar por fim algumas centelhas de lucidez para concluir a sua tese de mestrado de medicina, adquirindo dessa forma o grau de mestre. É certo que levou quase uma eternidade duas décadas a consegui-lo, quando outros no lugar dele normalmente só precisam de meia dúzia de anos, e talvez tenha ganho a alcunha de "vovô" da turma à conta disso, mas se atendermos ao facto indesmentível de que o consumo excessivo de álcool consegue condicionar o normal funcionamento dos sentidos humanos, tornando tudo mais lento e penoso, entre momentos de sobriedade e outros de coma alcoólico, até acho que ele conseguiu fazer o curso num bom tempo. Sim, levou 20 anos mas vamos ser justos; com a taxa de alcoolemia que já levava no sangue, era mais espectável que levasse uns 40. Aliás, o homem já estava tão farto e cansado de estudar, que, já não tendo forças para sorrir, teve que recorrer ao Photoshop e a uma foto dele antiga para anunciar ao país a conclusão do seu curso. Agora, há que tratá-lo com respeito e dignidade, está bem? Doravante habituem-se todos a chamar-lhe  "Doutor Zeca", um nome que, a meu ver, encaixa nele lindamente e que poderá inclusive ser aproveitado pelas produtoras televisivas para fazer uma série dramática sobre o percurso de um homem que bateu várias vezes no fundo à conta do Johnnie Walker, Bushmills, Jack Daniels e Ballantines - e qualquer outra bebida alcoólica que tivesse uma graduação superior a 40% -, mas que teve sempre força suficiente para levantar-se até que um dia conseguiu ganhar coragem para tratar o seu vicio e trocou-o pelos braços da apresentadora Liliana Aguiar, com quem teve apenas o tempo de fazer-lhe um filho (Salvador) antes de ver o seu coração ser roubado pelo "mental Coach" Francisco Nunes. Raios parta o amor esporádico destas vedetas. Uma história de superação tão linda como esta...bem que merecia ter outro desfecho. Do tipo casar com a Branca de Neve ou a Cinderela e viver felizes para sempre, e coisas assim do género. Que porcaria de vida essa de ser-se alguém "famoso" num país que caga gente famosa como a Alemanha caga salsichas em lata, e ter que partilhar com eles um mundo onde todas as paixões são efémeras, a ponto de levar toda a gente a foder dormir com todos. Isso não é nada mas mesmo nada justo...

Cuidado Zeca, agarra-te ao estetoscópio e pelo amor de Deus...larga-me já essa garrafa!!!

06/07/2018

Dúvida existencial...(ser ou não ser, eis a questão...)

Porquê que, a partir dos 50 anos, a maior parte das pessoas que partilham a sua vida nas redes sociais optam sempre por colocar no seu perfil a foto de uma paisagem, um animal doméstico, um periquito ou uma jarrinha de flores, ou ainda a foto de quando eram....30 anos mais novas?
Será que fortalece assim tanto o ego humano se puder ouvir da parte dos outros um "Ai Miga, eras tão linda quando eras mais nova!"...ou será que acontece exactamente o oposto?
Não sei o que pensam sobre o assunto, mas se um dia ouvisse alguém dizer-me "Ai Pensador, já foste tão lindo", para mim isso só quereria dizer que deixei de o ser agora...

Assim, serei só eu a achar que...isso só faz com que fiquemos ainda mais deprimidos e a nossa dor de envelhecer seja muito maior?

Seja qual for a fase que atravessamos na nossa vida, temos que valorizar cada pedaço de nós e saber aceitar quem somos. Mesmo se aquilo que tivermos presentemente for apenas uma pequena parte daquilo que um dia já fomos...

03/07/2018

O carpinteiro, Deus, o ramo e a mulher...

Encontrei este texto na Net e achei tanta graça que resolvi partilhar com vocês....


Um dia um carpinteiro estava a cortar o ramo de uma árvore perto de um rio e o ramo caiu na água. O infeliz carpinteiro pede ajuda a Deus que lhe aparece e lhe pergunta:
- Porque choras carpinteiro ?
E o carpinteiro responde-lhe que o seu ramo caiu ao rio. Deus mete-se no rio e traz-lhe um ramo em ouro e pergunta-lhe:
- É este o teu ramo ?
O nobre carpinteiro responde:
- Não.
Deus mete-se de novo no rio, tira um ramo em prata e pergunta-lhe:
- É este o teu ramo ?
De novo o carpinteiro diz:
- Não esse também não é.
Deus volta ao rio, traz-lhe o ramo de madeira e pergunta:
- E este, é o teu ramo ?
E o carpinteiro feliz responde:
- Sim, esse é o meu ramo.
Deus estava tão contente com a sinceridade do carpinteiro, que lhe
ofereceu os três ramos e mandou-o para casa. Mais tarde, o carpinteiro passeava com a sua mulher junto ao rio e de repente a mulher tropeçou e caiu ao rio. O infeliz carpinteiro pede ajuda a Deus que de novo lhe aparece e pergunta:
- Porque choras carpinteiro ?
O carpinteiro responde-lhe que a sua mulher havia caído ao rio.
Deus mete-se no rio, e tira de lá a Jennifer Lopez e pergunta-lhe:
- É esta a tua esposa ?
- SIM, SIIIMMM!! - responde o carpinteiro todo contente.
Deus fica furioso e diz-lhe:
- És um mentiroso, afinal tu és um grande aldrabão.
Ao que o carpinteiro responde:
- Oh meu Deus perdoa-me. Há aqui um mal entendido muito grande.
- Se eu dissesse que não era a Jennifer Lopez, tu tiravas do rio a Julia Roberts.
- Se eu dissesse que também não era ela, tu tiravas a minha esposa e aí eu diria que era ela e tu então mandavas-me para casa com as três. Deus, eu sou um homem humilde e não poderia sustentá-las às três...
..e foi só por isso que eu disse "Sim" à primeira vez...

Moral da História: Os homens só mentem por grandes causas e sempre com boas intenções...

02/07/2018

Era uma "coisa" assim...percebes?

- Francisco, olha que tens uma coisa pendurada ai em baixo!
- Ainda bem!...é sinal que não sou nenhum aleijado. Mal de mim se não tivesse..
- Debaixo do empilhador, seu trengo! Parece uma corda ou qualquer coisa assim.
- Ah?!...pois...isso...

(Ps: E ainda dizem que os homens passam 2 terços do seu dia a pensar em sexo, que parvoíce...)