29 junho, 2017

Conversas de família...

Estava eu hoje reunido com a minha família à volta da mesa da cozinha, comendo que nem um alarve o delicioso jantar que a "Jolie" cá de casa teve o amor de cozinhar para nós, quando de repente produziu-se o seguinte diálogo...

Filhote - Ó pai
Pensador - Diz filhote
Filhote - O que é uma comida viva?
Pensador - Porque me perguntas isso filho?
Filhote - Tive a ler a revista do Continente (Magazine) que trouxestes esta tarde e tinha uma parte que falava sobre comida mais saudável e viva para ajudar a emagrecer.
Pensador - Aaah..referes-te a essa comida...Olha, estás a ver o frango que estamos a comer agora?
Filhote - Sim, que tem?
Pensador - Bem, quando a mãe cozinhou o frango ele já estava morto. Essa revista ensina as pessoas a cozinhar com o frango ainda vivo dentro da panela.
Filhote - E não tiram as penas?
Pensador - Não, vai com penas e tudo. E como fica uma porcaria depois ninguém come nada e acabam todos por emagrecer.

Resultado de imagem para chicken running
Imagem da Net

28 junho, 2017

O Gázofone...

Imagem relacionada
Imagem da Net

No mundo dos espectáculos, o maior talento que um artista pode revelar é a sua capacidade de surpreender o público. Para isso, todos os truques são permitidos desde que estejam em consonância com o seu papel de artista. Foi isso que aconteceu ontem à noite com o cantor Salvador Sobral na actuação que realizou no concerto "Juntos por todos". Na qualidade de músico cantor, nada lhe pareceu mais adequado do que surpreender o público com a invenção do Gázofone que não é mais nem menos do que a sua inusitada capacidade de produzir música através de peidos. « sinto que posso fazer qualquer coisa que vocês aplaudem. Vou mandar um peido para ver o que acontece» disse o cantor durante a interpretação da famosa música "Amar pelos Dois" com a qual conseguiu ganhar o Festival Eurovisão da Canção. Ora bem, que o Salvador é o campeão das indirectas, já muita gente tinha-se apercebido disso, mas que ideias podemos nós retirar de um discurso tão flatulento?Acho que através deste gesto ele quis criticar o facto das pessoas não terem qualquer sensibilidade musical, nem sentido critico, e limitarem-se apenas a aplaudir o "Fenómeno da Eurovisão" e a triste história de saúde que lhe está adjacente em vez de aplaudir o artista. Sou-vos franco, quando soube desta história fartei-me de rir só de imaginar a cara de espanto das pessoas que estavam lá todas a bater palmas e viram-se confrontados com esta situação. Mas depois analisei esse gesto mais a frio e....voltei a rir como um perdido. Salvador, não devias ter escolhido um espectáculo de solidariedade às vitimas dos incêndios para fazer isso mas para mim já és considerado o melhor artista português de sempre!

27 junho, 2017

Os malefícios do tédio...

O tédio. Para muitos de nós trata-se de um conceito demasiado gasoso em termos de forma e insípido em termos de sabor. Toda a gente o conhece mas são muitos poucos os que percebem os seus malefícios e de que forma ele consegue condicionar a nossa vida. A maioria nem sequer consegue dar-se conta da sua presença, e, se calhar, jamais desconfiará que ele possa ser o maior inimigo do homem. Sim, ele é a verdadeira besta negra. O bicho ruim. O diabo na sua forma original. É ele o principal gerador da discórdia e grande promotor de guerras. É ele o alimentador de ódios, criador de divórcios, fomentador de disputas e discussões, e causador das práticas humanas mais horríveis. A maioria de nós , como já disse, não tem muita noção da força que este elemento negativo consegue exercer no seu quotidiano e se ela não estivesse tão ocupada a tentar resolver/valorizar questões físicas ou materiais, de pouca fraca ou nenhuma importância, poderia facilmente localizar este grande e decisivo factor na sua vida. Os seus sinais estão presentes por todo o lado. Só precisamos de abrir os olhos e observar.
Mas o que é isso do tédio, perguntam vocês? A Wikipédia define-o como um sentimento humano descrito como um estado de falta de estímulo, ou do presenciamento de uma acção ou estado repetitivo, como por exemplo, a falta de coisas interessantes para fazer, sentir, ouvir, etc. Ou por outras palavras, é o estado de alguém agastado pela rotina e/ou que se aborrece de morte quando não pode fazer nada ou, pelo menos, nada que lhe seja interessante. Rotina, tédio, aborrecimento, eis a receita dum cocktail explosivo que pode destruir qualquer resquício de serenidade e bom senso que o ser humano possa ter. Vive-se bem enquanto se pode lutar contra tudo isso, porque depois de sermos abraçados, de sermos "amarrados" pelo tédio, nossa vida nunca mais será igual. Nunca mais seremos felizes. E como é que o tédio consegue entrar na vossa vida? Nada de mais simples, e para que fiquem devidamente esclarecidos, tenho uma bonita história para vos contar. Quando era mais novo, isto é, mais novo do que sou hoje, conheci um professor admirável que soube dar-me um grande exemplo do que eu poderia esperar da vida em geral e do casamento em particular.

«Em termos culinários, perguntou-me ele, diz-me o nome do teu prato preferido. Leitão à Bairrada, respondi eu prontamente. Muito bem, prosseguiu ele, então imagina que tens muito dinheiro e que podes fazer tudo aquilo que quiseres. Para comer o melhor "Leitão à Bairrada do mundo", serias capaz de pegar no teu carro e percorrer 600 Quilómetros num só dia, certo?. Certo, respondi eu. Mas, e se eu começasse a servir-te o "Melhor Leitão à Bairrada do mundo" todos os dias, em todas as tuas refeições, como te sentirias?. Credo!ficaria enjoado num instante. Acho que já nem poderia ver mais Leitão à minha frente, ironizei eu. Ora ai está a verdadeira lição que a vida nos fornece, complementou ele, porque em todas as relações que vais estabelecer na vida, sejam elas de que tipo for, o processo vai ser exactamente igual.»

Esta foi a maior lição que tive o privilégio de receber até hoje e tem-me ajudado imenso a compreender tudo aquilo que se tem passado à minha volta. Embora de um modo diferente, ensinou-me a reconhecer o tédio e o modo como ele consegue instalar-se facilmente na nossa vida através da rotina. Desde ai tenho aprendido sempre novas formas de combatê-lo, de anulá-lo, afastá-lo, ou, pelo menos, de não me deixar agarrar por ele sem dar devida luta. E isso tem-me trazido bons benefícios. Foi também através deste exemplo que compreendi o significado daquele ditado popular que diz: « A comida da vizinha sabe sempre melhor que a minha». Sabe melhor apenas por ser diferente. E o que é diferente anula a rotina. Anulando a rotina, anula-se também o tédio. O enfado, o fastio, a monotonia. O aborrecimento.


Disse que sim, porque sentia-me aborrecida...

Se me lembrei de escrever este post hoje, foi sobretudo a pensar na pequena discussão que estava a promover com alguns anónimos (nunca sei se são muitos ou apenas um) no site do Shiuuuu. Nessa pequena discussão, que pode ser acompanhada aqui, um anónimo questionou-me se era possível alguém ficar sexualmente saciado vendo apenas um filme pornográfico. Respondi-lhe que sim, que se a necessidade do individuo fosse apenas espiritual/emocional, como é o caso de um "Voyeur", ela poderia perfeitamente ser preenchida através dessa forma. Mas quando questionaram no site qual a necessidade que leva alguém a ver filmes pornográficos quando pode desfrutar da mulher que tem ao seu lado, lembrei-me imediatamente do factor tédio. É verdade, à semelhança do que acontece em todos os outros tipos de relações, nas relações sexuais aplica-se também os efeitos do famoso conceito do "Leitão à Bairrada". E de nada serve ter a mulher (ou homem) mais linda do mundo, mais "sexy" e mais gostosa, a dormir ao nosso lado. De tanto comer o mesmo prato (perdoem-me a brejeirice) acaba sempre por instalar-se o fastio mais dia menos dia. Fastio esse que é preciso contrariar. Combater com unhas e dentes. Com diversidade, partilha a dois, mente aberta e montanhas de criatividade. Nas relações sexuais torna-se impetuosamente necessário vencer alguns tabus e derrubar as barreiras culturais que nos impedem de ver a sexualidade num sentido mais amplo. No sentido que pode tornar o ser humano mais feliz. Porque o sexo do século XXI já há muito tempo que deixou de ser o sexo de "Adão e Eva" que, na boca de alguns, apenas servia para fazer filhos e qualquer sintoma de prazer que houvesse era considerado um tremendo pecado. E é um pecado sim, é um pecado a nossa vida ser tão curta e não termos tempo de fazer mais. Para mim, logo que ele não prejudique ninguém, no sexo não há lugar para imoralidades. Sejam elas bíblicas, culturais ou sociais. Não há certo nem errado. Nem sequer o bonito ou feio. São apenas necessidades fisiológicas alimentadas por uma série de gostos e fantasias humanas. E tomara eu conseguir realizar muitas das minhas.

25 junho, 2017

Tão linda, bela e doce...


Resultado de imagem para amor paixão
Imagem da Net

Chego em casa...fatigado. Sei que estou de férias mas bem sabes como estes dias tem sido cansativos para mim. Já fazia muito tempo que a nossa casa precisava de algumas reformas, e já fazia muito tempo que procurava alguma disponibilidade para poder cuidar dela. Entro na cozinha e lá estás tu, meu anjo. Também cansada, fatigada, ar preocupada, desanimada, mas contudo sempre linda. Linda como sempre fostes. Sei que a vida não tem sido fácil para ti. Para além dos vários problemas que és impelida a enfrentar ao meu lado, tens ainda o teu coração de filha e de mãe, que nunca descansa....e sofre continuamente. Quem dera que o nosso mundo estivesse em paz. Quem dera podermos deixar as nossas preocupações de lado. Mas esta tem sido a nossa luta, a nossa batalha, e orgulha-me saber que estou a fazer este caminho a teu lado. És uma grande mulher. Uma guerreira. Uma deusa. 
Sentei-me na cadeira e nem tenho tempo de te pedir nada. Prontamente vais ao frigorífico e retiras de lá algo que só tu sabes fazer como eu gosto. Meu rosto sorri. És o sol da minha vida. Depois de uma jornada dura, nada mais deliciante para a alma do que refrescar os sentidos com o sabor da tua linda limonada. Dentro dela consigo encontrar um bocadinho de cada traço teu. Sinto a força da tua paixão, a doçura dos teus gestos e a beleza do teu amor. Obrigado por teres pensado em mim. Obrigado por cuidares de mim. Enquanto bebo, dou por mim a observar-te. Magra, formosa, elegante, cabelos soltos a cobrir-te os ombros, olhar cansado mas cheio de amor. No teu rosto, mesmo marcado por alguns sinais que o tempo teimou deixar-te, continuo a ver a mulher que eu sempre amei. Continuas linda, continuas bela, continuas doce. E eis que sinto crescer em mim uma repentina necessidade. Sem que percebas, já caminho na tua direcção. Aproximo-me, coloco-me por detrás de ti. Gentilmente, acaricio com as duas mãos as laterais do teu rosto descendo suavemente até encontrar o teu queixo. Passo um dedo pelos teus lábios e depois volto a subir. Suspiras porque já sabes o que vem depois. Lentamente, passo os meus dedos pelos teus cabelos, desde a testa até à nuca sem me esquecer de acariciar as tuas orelhas. Docemente, desvio algumas madeixas de cabelo que te cobrem e beijo o teu pescoço. Uma, e outra e mais outra vez. Respiro, inalo o teu cheiro. Sinto-me embriagado com o teu aroma. Tua pele já não é tão sedosa mas continua bonita e a cheirar bem. Enquanto sentes os meus beijos, minhas mãos continuam a percorrer-te. Vou descendo com toda a ternura que tenho, e caminho maciamente ao longo dos teus braços procurando o teu ventre. Assim, no calor silencioso deste momento, eis que mato por fim a repentina necessidade que tinha visto crescer em mim. Essa necessidade de te abraçar. Num abraço doce mas apertado faço-te sentir a força do meu amor. E sem que tenhas tempo de suspirar novamente, aproximo a minha boca do teu ouvido e sussurro algo dentro dele.«Amo-te, amo-te muito». Não porque precisasses de o saber, nem sequer de o relembrar, mas sim porque mereces e porque sei que gostas de ouvir. Nessa altura as tuas forças parecem renascer e o teu rosto volta a brilhar novamente. Pareces um raio de sol. Viras-te para mim e num gesto que faz parecer quase parar o tempo, dás-me aquele beijo estonteante que me atira instantaneamente até aos anéis de Saturno, trazendo-me à memória toda a beleza daquele dia. O dia em que te conheci.

24 junho, 2017

Dúvidas existenciais...#02

Resultado de imagem para copo de água


Se a água é inodora, incolor e insípida...
...e se estivermos de olhos vendados, como é possível sabermos sempre que estamos a beber água?

Será que é por....reconhecermos o seu sabor?

Então, se tem sabor...não é insípida.

23 junho, 2017

Coisas que vejo no Shiuuuu...#4


«Francisco. 
Não leve a mal mas comentar tudo e todos torna a sua figura virtual cansativa.
Eu já nem leio os seus comentarios. Basta ver o seu avatar que passo à frente.»



Finalmente vejo alguém que consegue entender-me na perfeição sem ser a minha amiga NI...
Fiquei emocionado. Alguém que soube reconhecer o meu trabalho.
Até já penso seriamente mudar o meu nick para "Francisco o Cansativo".
Sim porque não há dúvidas que é extremamente cansativo ser um "Pensador".
Que me dizem da ideia? Acham que isso melhora a minha imagem?
E vocês bem sabem o quanto me esforço por melhorar... :)

*****

E porque esta noite festeja-se o S. joão em várias cidades, aqui vai o meu singelo contributo...

Ó meu rico S. João,
Não me deixes cair no chão.
E livrai-me desses anónimos
Que não valem um tostão.

Ó meu lindo S. João,
Não me dês nenhum sermão.
Guarda tudo para aquele anónimo
A ver se deixa de ser morcão.

Resultado de imagem para festa s joão manjerico
Imagem da Net

Agora sim!

E parece-me um tanto ou quanto obscuro que o meu Top 5 de visualizações seja constituído em 1º lugar por um post sobre a notícia do bico que a Carolina salgado decidiu fazer ao seu mais recente namorado (Francisco Rolo), no 2º lugar um post que fala sobre os benefícios de fazer ciclismo com o rabinho ao léu, em 3º lugar temos um post muito elucidativo sobre os milhões que o corpo da Carolina Patrocinio vale e o biquini fio dental super hiper mega reduzido que ela decidiu mostrar num qualquer desfile de passerelle, na 4ª posição temos um post a dar conta do décimo milésimo visitante a entrar no meu blog para ver mais gatinhas a mostrar rabinhos e, por fim, o meu Top 5 encerra com um post sobre o estado físico da cantora Amy Winehouse quando esta ainda era viva e se parecia com um cadáver ambulante, desconfiando que este post só teve realmente sucesso porque introduzi a palavra "sexy" na minha narrativa. Resumindo e concluído, só me aparece gente tarada neste blog, o que me deixa deveras aborrecido porque julgava-me único nesse campo e nunca lidei bem com essa coisa da concorrência. Já vi que este pessoal só gosta mesmo é de sacanagem. Uma pouca vergonha! Digo mais, uma pouca vergonha! (disse mais porque disse 2 vezes) para além da péssima imagem que toda esta situação transmite, não é mesmo? porque o público feminino que ainda entra no meu blog é bem capaz de pensar que não há respeito nenhum nesta casa. O pior é que,  segundo as leis da física, toda a força aplicada provoca uma reacção de sentido oposto e de igual intensidade. Assim, ao juntar todos estes elementos num só post sou bem capaz de ter piorado a minha situação e ter criado um verdadeiro monstro de audiências. Ai credo jaaaaaasus, mas que fui eu fazer???


Gatinha em dificuldades antes de mostrar o seu rabinho...

Mas já que o mal está feito e não há retorno possível, aqui vai mais uma série de etiquetas sugestivas para ver se a Google consegue enviar-me todos os tarados existentes à superficie da terra, desde a Somália até a Cochinchina, passando pelo palácio de Belém e sem esquecer o Vaticano, o Parlamento Europeu e a sala oval da Casa Branca que até aqui não aparecia nos motores de pesquisa mas que, recentemente, tem sofrido um grande impulso com o grande contributo do Donald Trump.

Aviso: 
A linguagem que se segue é grosseira e ordinária e totalmente imprópria para pessoas de bem. 
Se prezam a vossa saúde mental, por favor não leiam.

As cuecas da minha avó; Chuva dourada; Bobby e Tareco carregam no Pinto da Costa; As maminhas de Madre Teresa (sem ser a de calcutá); Loucura total no convento; Papa Francisco mete o dedo onde não deve; Tira o dedo do meu bujão! (desabafo anónimo numa convenção Gay); Minha mãe passa a vida em "cima" de mim; Teresa Guilherme rasga o sutiã e deixa tudo de fora; Mamas na sopa; Sopa nas mamas; Eu para mim, cuzinho; Dá-lhe com força!(o Kik da motorizada); A coisa do meu marido é tão grande (mulher do Pensador); Folia no banheiro; Meti no buraco...da fechadura (a chave, obviamente); Vem aqui ao "paizinho"; Palmadas no rabinho; Super mamoplastia de aumento; Carolina patrocínio a correr nua pela praia (xiii..esta vai bater recordes!); Ketchup no dedinho; É das carecas que elas gostam mais; Mostro a minha se me mostrares a tua; Minha prima e eu; Minha prima, minha namorada e eu; Minha prima, minha namorada e eu já fiquei de fora (não sei porquê); Meu cachorro tem um olhar esquisito quando me vê passar; Do cabaré para o convento, minha ascensão meteórica; Miss Bumbum; Miss Bumbum melancia; Miss Bumbum melancia com morangos; Miss melões com chantily; Miss I like Bananas; O mágico que faz desaparecer bananas com o rabo; José Castelo Branco é finalmente mulher; Toquei os seios da minha vizinha sem querer (e com as 2 mãos); Os pimbas do Emanuel; Confissões de uma Hermafrodita, prefácio de Manuela Ferreira Leite; Calor na cama (maldito cobertor eléctrico); A quinta pata do Burro; Manuela Ferreira Leite, o motorista e eu; Manuela Ferreira Leite e o motorista, que eu já bazei a 7 pés; Minha mulher é uma cadela (Cão REX em entrevista para a RTP); Minha mulher é uma porquinha (Idem.. mas agora com o porquinho Babe); Tenho um preto debaixo da cama (conversa de mulheres a falar de tapetes); Come on baby, come to mommy (turista no Algarve para o Zézé Camarinha); Jacinto Leite Capelo Rego (esta funciona sempre); Eu gosto de mamar nos peitos da cabritinha; e pronto acho que por agora já deve chegar. Depois se for preciso eu acrescento mais algumas. :)

22 junho, 2017

Rescaldos de Pedrógão Grande...#03

E não esqueçam também que Pedrógão Grande vai passar a escrever-se com 3 "R's". Até agora eram apenas 2 "R's" mas já que o calor consegue dilatar a maior parte dos elementos, e como Pedrógão foi apanhado pela onda, a CMTV achou por bem acrescentar-lhe mais um "R"...


CMTV ao serviço da gramática e da cultura* portuguesa...

(* Cultura dos Nabos pois claro...)

21 junho, 2017

Rescaldos de Pedrógão grande...#02

E para aqueles que acreditam que os mortos não podem voltar do sepulcro, então é porque ainda não leram esta notícia, nem viram este video...

Rescaldos de Pedrógão Grande



Há aquelas situações em que as tragédias são noticiadas com pompa e circunstancia, mas muitas vezes percebe-se porque o fazem, já que a sociedade precisa de estar informada e alertada para aquilo que se passa no mundo. Mas que dizer daquelas situações em as televisões por vezes parecem quase estar a gozar com a inteligência dos espectadores ou, pior, quando parecem fazer das tragédias um verdadeiro espectáculo de circo? Foi aquilo que me pareceu presenciar no domingo à noite ao ver o Jornal das 8 da TVI, quando ao minuto 26 do video que podeis encontrar aqui, assisti a algo verdadeiramente bizarro. A cena começou por mostrar um repórter a falar para a câmara de Tv, directamente da povoação de Trespostos, num cenário que, aparentemente, parecia todo ele carregado de fumo e fogo. Pensamos imediatamente para nós:«Eh pá, que aquilo parece estar muito mau para aquele lado». Em seguida o operador de câmara vai descendo a rua, filmando tudo em seu redor, e dá-se a primeira surpresa. Afinal o fogo só ardia junto à parede e em pequenos focos bem distribuídos. Penso então para mim: «Mas que fogo mais bem comportado». Depois o operador pára em frente a um portão velho de madeira de uma casa e reparo por uma frincha lá existente que não está nada a arder por detrás dele. Apenas via-se algumas chamas em cima da parede a queimar silvas verdes (silvas verdes????). Bom, até aqui são apenas algumas situações estranhas mas como por vezes os grandes incêndios projectam fagulhas para toda a zona em seu redor devido à acção do vento, podia ser que que estivesse a ver algo que fosse resultado disso. Mas ai surge outra situação mais estranha. O operador vira-se para o outro lado da rua onde está um homem à espera para ser entrevistado. Muito calmamente, ou melhor, com toda a calma do mundo o "entrevistado" lá foi dizendo o que sabia e sentia naquele momento. Nesse momento já fiquei mais intrigado. «Então, supostamente. está tudo a arder em frente à casa dele e o tipo está ali num relaxe de todo tamanho?». Extremamente bizarro. Depois o operador sobe novamente a rua e verificamos que os pequenos focos de incêndio estavam realmente apenas situados junto à parede e a cena termina com o repórter a falar a partir do mesmo ponto onde começou, sendo que por detrás dele podemos agora também ver o "entrevistado" a admirar o cenário de fogo da sua casa vizinha como quem está a presenciar um filme de cinema. Um pouco preocupado, mas sem sinais de nervosismo nem qualquer ar de aflição ou medo.
Ora bem, é óbvio que falo por mim, mas será possível que alguém possa ficar tão tranquilo se houvesse um grande incêndio nas proximidades da sua casa? E se estava a surgir algumas chamas perto da sua residência, porque não estava o tipo a tentar apagá-las, com baldes de água ou uma mangueira, antes que aquilo crescesse e pudesse também atingir a sua casa? Há coisas que para mim são simplesmente um mistério. Ou melhor, que deixaram de o ser. São os chamados mistérios da comunicação social. Há que potenciar a tristeza, o sofrimento e o drama...

20 junho, 2017

O novo homem

E satisfaz-me saber que, afinal, os homens já não são assim tão feios. Não, não são mesmo. Muito pelo contrário, o homem de hoje tornou-se perfeito. Não dei fé dessa transformação mas parece que se tornou assim. Pelo menos isto a julgar por aquilo que aprendi no Shiuuuu. Fiquei a saber que os homens já não são os insensíveis, brutos, grosseiros e estúpidos de antigamente. Nem são os desleais e porcalhões que passavam a vida a galar todos rabos de saia que desfilavam à sua frente. Não, nada disso. Os homens de hoje são lindos, amorosos, perfeitos. São seres sensíveis, carinhosos, que passam a vida a colher flores e a falar de amor e que já não sentem vergonha em falar dos seus sentimentos à mulher que amam. Infidelidade? Deslealdade? Mas qual quê, isso é coisa do passado. Este novo homem já não faz nada disso. Quando encontra uma mulher, só consegue vê-la a ela e passa o dia a dizer-lhe o quanto a ama. E começa a ser assim logo à partir dos 15 anos, segundo se consta.Ora digam-me lá se isto não é a coisa mais linda do mundo? Finalmente a mulher tem condições para ser feliz, agora que é tão valorizada e tão bem tratada pelo homem. Já não precisa de ser feminista, nem sequer feminina, porque o novo homem aceita tudo, faz tudo por ela e  o "machismo" foi completamente erradicado da face da terra. Para isto ser inteiramente perfeito, só falta mesmo pôr os homens a cuidar dos filhos, das roupas e da limpeza da casa enquanto as mulheres vão trabalhar. Uma ilusão? Mas que nada, no Shiuuuu não existe impossíveis...e é tudo anonimamente real.

Devia estar feliz, porque no fim de contas estaria a assistir à mais que retardada evolução do meu género. Mas, infelizmente, tenho o azar de não viver no planeta Shiuuuu. No planeta onde eu vivo, os homens continuam exactamente iguais ao que eram há 30 ou 40 anos atrás, não sendo visível qualquer tipo de mudança evolutiva. Na verdade até acho que eles hoje estão piores. Antigamente ainda havia um certo cavalheirismo da parte de alguns de nós. Se víamos uma mulher parada num cruzamento dentro do seu veiculo, por exemplo, tínhamos a gentileza de parar o nosso carro para deixar essa mulher entrar com toda a segurança na estrada principal. Hoje em dia já não vejo ninguém fazer isso, homem ou mulher, na rua agora são todos iguais. Ninguém facilita nada. Antigamente qualquer homem parava o carro se visse uma mulher diante de uma passadeira com intenção de atravessá-la. Era uma questão de cortesia mas também uma manobra de charme, de sedução. Hoje já só param se a mulher for nova, bonita, e se estiver a usar uma mini saia para poder fisgar-lhe o rabo à sua passagem. Podia estar a revelar aqui mais alguns exemplos - e davam para encher uma enciclopédia - mas estaria a fugir um pouco à intenção que me levou a escrever este texto. Por cá, dizia eu, as mulheres continuam a dizer cobras e lagartos dos homens. Por cá, os homens continuam a ser "todos iguais" na boca das mulheres. Por cá, os homens continuam feios.

E é por isso que, apesar do que muitas dizem, ou sonham, tenho que continuar a sentir-me triste. Sinto-me triste porque não vivo no planeta Shiuuuu e não posso partilhar do optimismo nem da felicidade que reina naquele mundo. Na parte insignificante do mundo real que me foi atribuído, nunca poderei conhecer gente como aquela anónima que diz ter sido sempre muito amada desde os 15 até aos 26 por vários amores que encontrou na sua vida. Coitadinha, como é linda a ilusão da juventude. A idade do maior potencial sexual. Como é linda a idade dos 15 aos 30, muitas aos 35, poucas aos 40, menos ainda aos 45 e muito raras depois disso, quando os traços da juventude são substituídos pelas marcas profundas da velhice que abusivamente decidem tomar o seu lugar, transformando os piropos dos homens em desencanto e puro desinteresse. Como é linda a juventude. Como é feia a velhice.



Miguel Araújo | Maridos das Outras from Miguel Araújo Jorge on Vimeo.

19 junho, 2017

Para que não haja dúvidas!

Resultado de imagem para friends
Imagem da Net

Muita gente que costuma visitar-me regularmente mas que também costuma assistir aos meus desempenhos por "outras paragens", muitas vezes pode ficar um pouco intrigada pelas diferenças de comportamento encontradas e com a dualidade de critérios que por vezes posso revelar. Muitos (e muitas) de vós já devem ter reparado que em certos Blogs trato as pessoas por "tu" e noutras por "você". Há uma explicação muito simples para isso. Trato por tu todos aqueles lugares que respeito e por você aqueles lugares que por vezes respeito e outras não (mediante a minha disposição) mas cuja intenção inicial foi meter nojo. Neste momento só um blog está a ser alvo das minhas "Trollitadas" mas prometo-vos que não tenciono parar por aqui. :))

Para que não haja dúvidas, aqui vai a lista de Blogs que visito com regularidade e a minha actual disposição emocional para cada um deles:

- NI ENTRE AMIGOS -  O meu Blog predilecto. Para levar muito a sério...ou brincar com respeito (ai de ti Pensador!)

- As minhas pequenas coisas - Conheci o seu Blog desde o tempo que ela namorava e vivia uma grande paixão com o seu actual marido. Para levar também a sério e revelar algum humor subtil.

- Clementina Clandestina - Gostei do jeito dela e tem sido uma boa descoberta. Para levar muito a sério e tratar com respeito.

- Estrelices - Tem estado mais inactiva ultimamente mas continuo a gostar de a visitar. Para tratar muito bem.

- A Pipoca mais Doce - Visitava este Blog com frequência no passado mas tem perdido o seu encanto desde que a Ana ganhou fama e tornou-se uma espécie de sites de vendas...Já nem comento.

- Shiuuuu - Hahahaha....tem sido a maior vitima das minha trollitadas e, mesmo que por vezes eu queira revelar uma faceta mais serena e contida, adoro brincar com certos anónimos e dar-lhes na cabeça. Que posso eu vos dizer? Um site onde só havia anónimos a comentar? E estupidamente ainda por cima? Comigo só podia dar farelo! 

Bom, tem alguém que não está incluído(a) nesta lista? Não desespere, talvez seja porque não o(a) conheço. Sei que existe aqui muita gente que visita o meu Blog e que só não comenta porque não foi convidado(a) a fazê-lo ou talvez por sentir alguma vergonha. Se assim for, deixem-me dizer-vos que não há nenhuma razão para que assim seja. Apetece-lhe comentar? Comente caralho! convido-os sinceramente a fazê-lo! Nesta casa não há ninguém que seja maior ou melhor do que outros. Somos todos boa gente. 
Ou pelo menos naquelas horas em que nos lembramos de o ser... :))

18 junho, 2017

O inferno na terra...

Sobe para 57 o número de mortos em incêndio de Pedrógão Grande
Imagem da Net

À hora em que escrevo este post, soube através da CMTV que já existem 62 mortes confirmadas nos terríveis incêndios que no passado sábado fustigaram a região de Pedrógão Grande, no distrito de Leiria, de entre as quais contam-se 4 crianças e 30 pessoas que ficaram encurraladas ao tentar fugir das chamas e morreram carbonizadas dentro do seu próprio veículo. Nunca se viu nada assim. É um verdadeiro horror. Uma grande tragédia. Traduzida na mais horrível forma de morrer que se pode conhecer. O maior pesadelo para o ser humano e a prova de que a religião está profundamente errada sobre as origens da nossa criação. A ser verdade de que fomos feito do pó, como podemos nós servir de combustível? o pó não arde. Ou pelo menos não deveria arder. Para aliviar um pouco a dimensão da tristeza que uma situação destas consegue provocar na minha alma, guardo a esperança de que todas essas vitimas tenham desmaiado com o calor antes de serem atingidas pelas chamas. Caso contrário, a ideia por si só torna-se insuportável. Imaginar toda aquela gente, aflita, angustiada, a fugir daquele inferno, e a tentar salvar a sua família. É horrível. É ruim demais pensar nisso. E se é mau para mim, imaginem como deverá ser para a família das vitimas. 
Todos os anos acontece este flagelo. E todos os anos morre gente devido a isso. É deveras impressionante. Desta vez, porém, ninguém necessitará de viver mal com a sua consciência porque, ao que parece, a origem destes incêndios foram de causas naturais. Mas nem sempre é assim. Ou melhor, raramente é assim. Seja por interesses mobiliários, económicos ou financeiros, seja por doença psíquica, maldade dos homens, ou então simplesmente devido à aselhice, egoísmo, e/ou falta de sentido cívico do ser humano, a verdade é que todos os anos conseguimos destruir uma parte considerável do nosso património natural, cujo valor é incalculável e insubstituível. Estamos a matar a nossa flora - que traduz a maior beleza do nosso país -, com pontas de cigarro, garrafas de vidro partidas, esquecidas, e fogueiras mal apagadas de piqueniques. O ser humano tornou-se um fardo demasiado pesado para o planeta a partir do qual foi gerado. Comporta-se que nem aquele cretino que cospe no prato no qual acaba de comer. Um idiota, um tolo, e o mesmo ingrato de sempre. Mas uma ingratidão que poderá ficar-lhe caro no futuro. Para o dia em que ele quiser levar os seus filhos a passear para respirar o ar puro da natureza e ele já só existir engarrafado dentro de botijas....que guardarão dentro delas a memória de tudo aquilo que fomos e não fomos no passado.

(Ps: Peço desculpa a quem já tenha comentado, mas por uma questão de respeito às vitimas de Pedrógão Grande, o post anterior foi retirado temporariamente e será postado após terminar o período de 3 dias de luto decretado pelo governo. Obrigado)

17 junho, 2017

Raios parta as ovelhas!

E isto que detesto nas férias. Ontem deitei-me por volta da meia noite e pus-me a ver um filme morrinhento no canal Holywood para ver se o sono vinha depressa. Estava calor. Olhei em volta e reparei que a minha mulher também continuava acordada, escancarada de pernas abertas sobre o lençol. Estava demasiado calor. Tentei prestar atenção ao filme mas como este estava demasiado morrinhento deu-me a bonita ideia de fazer sexo amor com a minha mulher. Muito melhor sem dúvida alguma. Mas ficámos com mais calor ainda. No final, por volta da 01h30m (Ah grande Pensador!!), tomamos um duche à vez e trocamos o lençol da cama tentando não fazer muito barulho para não acordar os miúdos. Já não estava assim tanto calor. Passava muito das 2 horas quando comecei a sentir os meus olhos cansados. O filme estava tão morrinhento que até me doía a alma. Fecho os olhos e viro-me para o lado do meio da cama. Minha mulher já dormia profundamente mas as suas pernas permaneciam escancaradas. Virei-me para o outro lado (Que porra pá!). Contei alguns cupidos a disparar setas para as mais de 100 ovelhas que conseguiram saltar o muro e quando dei por mim já eram 5 horas da manhã. Raios parta as ovelhas! e raios parta o tipo que se lembrou de inventar tudo isso...

Resultado de imagem para ovelha choné
Imagem da Net

16 junho, 2017

Mamas na sopa...

A minha amiga Ni disse que não conseguiu encontrar "Mamas na sopa", o que não me surpreende nem um pouco por ela ser mulher e estes termos de pesquisa fugirem um pouco ao seu âmbito de trabalho. Se ela fosse homem saberia logo de imediato encontrar mamas de qualquer jeito, nem que fosse as mamas do José Castelo Branco. Assim, sem mais demoras e em consideração pela minha grande amiga Ni...apresento-vos as "Mamas na sopa"...


Resultado de imagem para mama sopa

1...2...3 Pacotes de "Mama sopa". Ora bem, 3 é plural, logo..."Mamas na sopa".... :))))

Dúvidas existenciais...


Quando alguém cria um post no qual atribui um titulo bastante expressivo do tipo: "Da minha amamentação", porque razão coloca a imagem de um bébé fofo que nem um anjinho a brincar num mar de rosas em vez de colocar uma imagem que esteja mais de acordo com o tema,  
assim bonita e sugestiva....e....e...
...mais temática, percebem?

Imagem relacionada

Frases imortais...

“De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto.” 

(Ruy Barbosa)

Imagem da Net

15 junho, 2017

Coisas que vi no Shiuuuu...#3

Este Francisco é insuportável!



Eu já tinha avisado que me tinha tornado num homem diferente. Só não tinha mencionado o quanto. Para mim, desde que voltei ao mundo da blogosfera que os meus dias tem sido um tempo de autêntica descoberta. E no decurso desse tempo, tem vezes em que consigo descobrir novas facetas em mim, facetas essas que até aqui julgava não existir. Se num passado não muito distante aquele comentário transcrito em cima e assinalado a negrito poderia despoletar uma reacção mais efusiva e apaixonada da minha parte, agora só consigo olhar para isso com total desprezo e uma boa dose de cinismo. Mas tem algo pior. Descobri que agora, quando sinto que consegui indignar alguém com toda aquela intensidade, pareço sentir em mim uma espécie de sensação de puro rejuvenescimento. Como se tudo aquilo me desse o maior prazer. Será que estou a tornar-me uma pessoa má? será que estou a desenvolver  as características de uma pessoa anti-social? de um sociopata? As tantas sim, porque se fosse um  não...a esta hora eu estaria bastante preocupado com tudo isto. E confesso que estou muito longe disso...

Resultado de imagem para cansei de ser chato
Imagem da Net

Prelúdio de uma debandada anunciada...

Resultado de imagem para tom hanks forrest gump
Imagem da Net

E de tanto falar mal do Benfica, acabei por perder mais um seguidor!..hahahaha. 

A este ritmo, não vai demorar muito que vou estar aqui a falar sozinho. O que não seria inteiramente mau, diga-se, porque assim já ninguém poderia ficar ofendido com aquilo que digo. :)

Singularidades...*

Resultado de imagem para pedro guerra
Imagem da Net

Pedro Guerra, o mesmo homem que em 2001, na condição de jornalista do Independente, tornou público o crime de roubo de camiões perpetrado por Luís Filipe Vieira e que valeu ao mesmo 20 meses de prisão em 1993 (pena essa que seria cumprida caso não tivesse havido uma amnistia manhosa para perdoar tudo isso), vem agora a público defender a seriedade, honestidade e credibilidade deste último...
Gostava de perguntar a esse sujeito como se torna possível trocar de opinião sobre alguém como quem está a trocar de casaca, tornar-se director de conteúdos da Benfica TV depois de ter falado mal do seu patrão, mas sobretudo...como é possível defender a honra de um tipo que já foi condenado por um crime de roubo! Alguém, em plena consciência, alguma vez entregaria um pataco que seja nas mãos de um tipo que já roubou no passado?. Sinto muito mas...ladrão uma vez, ladrão toda a vida. E não deixa de ser engraçado que o Pedro Guerra tenha conseguido debitar mais palavras para tentar defender a honra dos outros do que a defender a sua própria honra, quando há dias foi acusado por Francisco J. Marques de ser corrupto. Se calhar é porque a honra desses outros é um caso mais fácil de defender...

(*...Sim, eu sei. E com isto já vou no 4º post sobre futebol!...um verdadeiro abuso!)

14 junho, 2017

As promiscuidades do futebol...

Resultado de imagem para mario figueiredo
Imagem da Net

Já sei o que vão dizer: «Pensador, já vais no terceiro post sobre futebol em menos de uma semana». Peço-vos antecipadamente as minhas desculpas mas aquilo que vi acontecer hoje é tão importante e tão grave que não podia de maneira nenhuma deixar passar isto em claro. Se guardava algumas dúvidas acerca da veracidade dos Emails oportunamente denunciados por Francisco J. Marques (Director de Comunicação do F.C.Porto) e que estão na base deste recente escândalo que envolvem algumas figuras ligadas ao Sport Lisboa e Benfica, hoje perdia-as completamente. Não é que o antigo presidente da Liga Portuguesa de Futebol, Mário Fiqueiredo, aquele sujeito que teve de ser corrido quase a pontapé da Liga para evitar que ela entrasse em falência técnica, na desastrada tentativa de justificar os Emails trocados em 2014 entre a sua pessoa e o actual presidente do S.L.Benfica, Luis Filipe Vieira, acabou dessa forma por confirmar a autenticidade desses ditos Emails? A sério, isto é que foi uma bronca! Este tipo ou foi mal aconselhado ou não tem juizinho nenhum na cabeça. Agora se se provar que o presidente das águias tentou interferir nas decisões da Liga, como sugerem os Emails, de acordo com os regulamentos da Liga isso significa que o Benfica pode descer de divisão e ver os seus recentes títulos retirados. Para os benfiquistas, isso seria quase ver o inferno a materializar-se na terra, mas para os portistas e sportinguistas, o mundo jamais poderia ser mais perfeito! :)

Pensador no mundo dos sonhos...

Resultado de imagem para pesadelos


Hoje entrei de férias. E para começá-las bem, nada como acordar de manhã em sobressalto por causa de um pesadelo que tive durante a noite e que espero não ver repetido. Engraçado essa capacidade que o nosso cérebro tem de criar as mais variadas situações em cenários também eles diversos - que muitas vezes não tem cabimento nenhum, mas que nós, em sonho, achamos sempre perfeitamente normais -, com gente bastante conhecida, outra bem menos ou então conhecida só de vista, e aquela parte de gente que nos é completamente desconhecida ou então que não somos capazes de relembrar se, onde e/ou quando, tivemos a oportunidade de a conhecer. Considerando que o nosso cérebro é uma espécie de computador orgânico que armazena a informação mais diversa de tudo o que vê e sente, seja das situações que vivemos no dia-a-dia, das pessoas que passam por nós na rua (que, muitas vezes, julgamos não estar a prestar atenção mas que, por algum motivo mental  desconhecido, estamos a memorizar), dos episódios vividos com a nossa família mas que anos mais tarde acabamos por relembrar em sonhos (e com um desfecho por vezes diferente), das noticias debitadas pelo nosso ecrã de televisão, das cenas de vida protagonizadas pelas figuras públicas, dos gritos da peixeira, do sorriso do padeiro, da causa dos nossos risos, dos anseios, dos nossos medos, etc.etc., não deixa de ser porém deveras surpreendente que ele consiga compilar todo esse estado de memória para criar, de forma totalmente autónoma, uma espécie de filme fragmentado que normalmente mais tarde temos a capacidade de recordar. 
Mas quando sonhamos, gostamos sempre que os nosso sonhos sejam um reflexo da nossa vida ou daquilo que gostaríamos que ela fosse, com muitos momentos de felicidade, dinheiro a rodo e amor com fartura, seja a nível pessoal, amoroso e familiar. Na verdade nunca estamos devidamente preparados quando eles decidem traduzir em jeito de filme vivido os nossos maiores anseios e medos, levando-nos a ficar inquietos, transpirar na cama ou até a cair da mesma conforme a força do sentimento que os ditos sonhos souberam trazer até nós. Ora, foi precisamente aquilo que aconteceu comigo esta noite. Não, não cai da cama (nem atirei a minha mulher ao chão caso tenham ficado com a dúvida) mas a verdade é que pouco faltou. Sonhei que Portugal tinha sofrido mais um absurdo ataque terrorista promovido pelo Estado Islâmico, num local relativamente perto do lugar onde habito, e que eu não fazia a menor ideia do paradeiro da minha família. Corria que nem uma barata tonta à procura dela...e quanto mais corria menos conseguia chegar a lugar algum. Felizmente que o sonho foi curto (já não tenho idade para correr a noite toda) e sim, obviamente que fiquei feliz por acordar de manhã e saber que a minha família estava lá em casa comigo....a salvo.

12 junho, 2017

Os ricos sinais da pobreza...

A gente só se dá conta do quanto o nosso país é pobre....quando vê um tipo bem vestido - calções Franklin Marshall, polo Lacoste, óculos de sol Ray-Ban e chinelos de couro - sair com muito estilo do seu Mercedes Classe S e urinar contra o arbusto que estava plantado junto a uma das paredes laterais do Maxmat, sabendo que lá dentro havia uma casa de banho e do outro lado da rua (cerca de 6 metros) tinha um hipermercado Continente com casa de banho também. Está visto, hoje mais do que nunca, que o dinheiro continua a fazer crescer muita coisa na vida menos o tamanho do cérebro das pessoas que, em alguns casos, continua a ser do tamanho de uma noz. De que vale ser rico, e ter tudo ao seu alcance, se a mentalidade da pessoa continuar pobre como sempre foi?


Resultado de imagem para trump
Não, o tipo não era o Donald Trump mas um dia pode vir a ser tão estúpido quanto ele...

11 junho, 2017

A época dos Marcelinos...

Resultado de imagem para marcelos rebelo de sousa 10 junho


Ontem foi dia 10 de Junho, dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas. Durante o Estado Novo, numa altura em que só havia ditadores estúpidos e malucos espalhados pela Europa fora, em Portugal este dia era também conhecido como o dia da raça que pretendia exultar os heróis do passado e todos aqueles portugueses ilustres que a classe aristocrata tanto gosta de engrandecer mas que só recolhe a indiferença da populaça. Hoje em dia celebra-se sobretudo a cultura de um povo único no mundo, porque só existe uma raça...que é a humana, e tudo o resto não passa de pura fantasia. Quando alguém tenta dizer-me que o Afonso I de Portugal (Afonso Henriques) tinha sido um grande herói porque revoltou-se contra a mãe Teresa de Leão e proclamou-se rei após vencer esta última na batalha de São Mamede e os mouros na batalha de Ourique, quando é sabido que o seu único objectivo era tomar de assalto o poder vigente e criar um império monárquico só para ele, tudo isso dá-me uma grande vontade de rir. Tanto naquela altura como nesta, não só aqui como em qualquer parte do mundo, o ser humano foi sempre capaz de fazer tudo e atingir os impossíveis para conquistar o poder e fazer crescer os seus valores materiais. Ontem era com a lei da espada, mas hoje como a sociedade tornou-se aparentemente menos violenta, passou a ser com a lei dos mafiosos e dos corruptos. Ontem como hoje, nada merece honras de ser glorificado.
Mas porque o povo precisa de heróis e é preciso saber entretê-lo com circo, nada como repetir sucessivamente as formulas de sucesso provenientes do passado, para dessa forma ajudar a eternizar o ciclo. Desta feita, o papel coube ao nosso actual presidente da republica Dr honoris causa Professor Marcelo Rebelo de Sousa, que, dando uso ao seu carisma e à sua experiência de jornalista e "entertainer" comentador televisivo, festejou o feriado na cidade do Porto e pediu aos portugueses algo muito peculiar. Pediu um Portugal independente e livre. Independente do atraso, da ignorância, da pobreza, da injustiça, da dívida, da sujeição. Livre da prepotência, da demagogia, do pensamento único, da xenofobia e do racismo". Que é como dizer, pediu aos portugueses tudo aquilo que nunca serão capazes de ser, nem de dar. E tenho a certeza que ele sabe disso.


10 junho, 2017

Coisas que vi no Shiuuuu....#2

«Estupidez é um comentário destes.» 

E com um "destes" o anónimo cometeu a proeza de chamar-se de estúpido a si próprio...
Tanto querem ofender que nem se dão ao trabalho de ver o que estão a fazer.

09 junho, 2017

Noticia de última hora!

Resultado de imagem para pedro guerra insultado na luz


Ligo a TV e ao fazer "zapping" pelos canais fico a saber pela CMTV que o Pedro Guerra foi insultado em plena entrada do estádio da Luz (ver video aqui) por um ou mais adeptos benfiquistas. Agora sim é oficial. Para além de confirmar tudo aquilo que disse sobre este sujeito no meu post anterior, confirma-se também que esta história dos Emails trocados entre Pedro Guerra e o ex-árbitro Adão Mendes, oportunamente denunciada por Francisco J. Marques, director de comunicação do F.C. Porto, conseguiu lixar completamente a cabeça dos seus adeptos e os respectivos festejos do Tetracampeonato. É como se não tivessem ganho nada já que lhes foi retirada a razão que pensavam ter. Para nós portistas, isto está a ser por demais divertido e desconfio que ainda só se esteja a ver a ponta do icebergue. Em todos os programas desportivos ninguém fala noutra coisa senão isso e, neste momento, acho que nenhum comentador televisivo afecto ao Benfica está com coragem suficiente para dar a cara e defender a tremenda asneira feita pelo seu colega homologo de profissão. Apesar do calor, acho que esta semana toda a gente vai ficar com gripe só para faltar aos programas...hahahaha!
Lá diz o ditado, e bem: "Nunca digas mal do vizinho, que o teu mal vem pelo caminho".

O apito camuflado...



Ministério Público abre inquérito à troca de e-mails entre Pedro Guerra e Adão Mendes
A noticia caiu que nem uma bomba na comunicação social, para a delicia dos milhares ou milhões de Portistas e Sportinguistas espalhados por este mundo fora. O caso não é para menos e, ao que parece, a procissão ainda só vai no adro. Depois do Benfica ter massacrado durante largos anos a cabeça dos portugueses com a treta fantasiosa do "Apito dourado", eis que o clube da Luz parece ter sido finalmente apanhado a beber do seu próprio veneno. O director de comunicação do F.C. Porto, Francisco J. Marques (FJM), revelou há dias no programa "Universo Porto da Bancada", no Porto Canal, ter em sua posse documentos comprometedores que revelam um esquema de corrupção para favorecer o Sport Lisboa e Benfica. Sem medo nem pudores, o dirigente citou algumas passagens de uma alegada troca de e-mails ocorrida durante a época 2013/14, entre o ex-árbitro Adão Mendes e o actual director de conteúdos da BenficaTV, o famigerado e muito pouco considerado Pedro Guerra, passagens essas que prejudicam grandemente a imagem do clube lisboeta. Mas fez mais! sem gaguejar uma única vez que seja, revela em primeira mão o nome de oito árbitros supostamente envolvidos neste esquema, que são:Jorge Ferreira, Manuel Mota, Nuno Almeida, Vasco Santos, Hugo Pacheco, Rui Silva, Bruno Esteves e ainda Paulo Baptista. O jornal "O Jogo" tratou logo de investigar e descobriu que, de facto, desde a época 2013/2014, o F.C. Porto já perdeu inúmeros pontos à custa dos árbitros mencionados, em resultado de erros de arbitragens considerados graves. O Benfica, como é óbvio, já fez já um desmentido de 57 palavras que, ao que parece, também nada desmentiu, cumprindo apenas o essencial que era sossegar as hostes benfiquistas neste tempo que é de festa. O Pedro Guerra, sim, aquele homem horrível que ninguém cala (mesmo quando está a fazer uma autêntica figura de urso em programas de TV) está desde a saída dessa noticia bombástica num absoluto e ensurdecedor silêncio (céus, finalmente!). Muitas contas deve estar o homem a fazer nesta altura, porque afinal não é todos os dias que somos acusados de sermos coniventes com um esquema de corrupção embora a notícia, no caso deste homem, e por si só, não seja para mim uma verdadeira surpresa. Quando tudo parece ser, normalmente é porque é. E a verdade é que o Pedro Guerra parecia ser maluco o suficiente para fazer uma "besteira" destas. Confesso que não sei o que pensar desta noticia e acho que prefiro aguardar pelas cenas dos próximos capítulos antes de decidir se devo deitar foguetes ou não. Tudo o que foi revelado por FJM está repleto de sentido e não prejudica rigorosamente nada aquilo que em tempos escrevi sobre o aparente proteccionismo que rodeava o clube da Luz. Mas há um grande senão nesta história. É que, por aquilo que me dei conta, o Pedro Guerra é uma figura bastante detestada pela sua própria gente. Sempre que mencionava para os meus amigos benfiquistas o nome desse sujeito e as figuras tristes que fazia no programa "Prolongamento" da TVI 24, eles pediam-me logo para mudar de assunto e optar por falar de gente séria. É impressionante mas ninguém parece gostar dele. Ninguém lhe dá crédito. Assim, o teor da conversa que foi trocada nos ditos "Emails" pode muito bem ser desvalorizado, e interpretado, por quem tem responsabilidades no assunto, como o devaneio de um homem frustrado ou maluco cujo maior pecado é ser excessivamente apaixonado pelo Benfica. Nessa altura, basta o SLB cortar com qualquer vinculo que tenha com este sujeito que o assunto fica logo ali arrumado. Uma coisa é certa, o Ministério Público já abriu um inquérito e o Conselho de Disciplina da FPF também já fez o mesmo. O mais certo é tudo isto dar em águas de bacalhau - temos que entreter o povo dizia um - mas enquanto este imbróglio durar vou divertir-me imenso a malhar a cabeça dos meus amigos benfiquistas. Nesta altura, e enquanto não se chegar à verdade dos factos, a cabeça deles parecem autênticos melões, coitados...

08 junho, 2017

Desabafos nocturnos...

Eram 42 seguidores mas após eu publicar a imagem daquele "rabinho" lindo que podem ver no Post abaixo deste, houve alguém que deu logo de frosques e agora já só tenho 41. Isso faz-me pensar nas boas razões que me levam a publicar esse tipo de imagem e a ter por vezes um discurso mais vulgar e atrevido. Primeiramente devo dizer que não estou aqui para agradar a ninguém nem para fazer novos amigos. Se na minha casa sou assim, se na vida sou assim!...e se não conheço ninguém-excepto-uma-pessoa no mundo da Blogosfera, porque razão eu hei-de me importar com aquilo que eventualmente possam pensar sobre a minha maneira de ser?. Não gostam? E que tenho eu a ver com isso? Pedi alguma coisa? Será que tenho a obrigação de dar satisfações a alguém?. Acreditem minha gente, se um dia me dissessem que existe 1.000.000 de pessoas pela Net fora a comentar coisas desagradáveis sobre mim, a única reacção que eu eventualmente poderia esboçar seria: 1 milhão de pessoas?...a sério, só isso? 
Sim, admito que sou um grande convencido e tenho muito orgulho nisso.

Tenho horas para tudo, seja para revelar uma faceta mais brejeira seja para demonstrar uma faceta mais erudita. Gosto e desejo alimentar essas minhas duas facetas porque ambas fazem parte do meu ser. Sempre odiei gente com a língua demasiado destravada ou que não sabe ocupar o seu lugar, mas também toda aquela de mentalidade chata ou aborrecida que não pode ver um pingo de vida na boca de alguém que trata logo de rotula-lo de tudo e mais alguma coisa. Olhem ali o tolo, o mal educado, o individuo com mau gosto...Sim, sim, olhem ali um casalinho de "traques". A sério, até parece que do rabo dessa gente consegue sair porcaria mais bem cheirosa do que a minha. Quem acreditar que sim, que tudo isso seja bem possível, por mim pode ir lá cheira-la à vontade que eu não lhe fico com nenhuma inveja. De mim, podeis sempre contar com a minha franqueza e honestidade. Aconteça ou que acontecer, serei sempre igual a mim próprio. Aceito sem qualquer problema que haja quem não goste de algum traço da minha personalidade e estou sempre pronto a aprender algo mais a cada instante e com qualquer um. Só não aceito é que alguém possa se achar melhor do que eu. E porque hoje sinto-me especialmente contente (já desabafei hehehehe) também vou dar-vos uma bonita música. :)

06 junho, 2017

Uma questão de apetite...

Alguns segundos depois do jantar ficar pronto e minutos antes que fosse servido na mesa...A Jolie lá de casa chama pelo seu querido Pensador...

                                           Jolie - Ó moooor!
                                   Pensador - Diz paixão!
                                           Jolie - Está pronto, vens comer?
                                   Pensador - Está bem, vai abaixando as cuecas que eu já vou.
                                           Jolie - Oh minha mãe...


Imagem relacionada

E depois penso para mim...

- Espera ai, por onde é que andam os miúdos?
...ai mãeeee....
(Que porra, já estavam na cozinha!!!)

05 junho, 2017

Pensador tem um novo Blog...

Resultado de imagem para blog de culinaria

Ontem, como não tinha nada para fazer e o Benfica jogava em casa, lembrei-me de arrancar com um projecto novo. Era algo que já fazia algum tempo que desejava fazer mas, porém, a preguiça vencia-me sempre e fazia-me adiar tudo para a semana seguinte. A semana transformava-se em mês, o mês em ano...e antes que o ano se transformasse em década, ganhei finalmente coragem e coloquei mãos à obra. Não é nada de especial. É um bloguinho assim pequeninho como só um Pensador frustrado e pouco habilidoso consegue fazer. Mas também é um espaço que promete encher os vossos olhos e especialmente a vossa barriga!. Exactamente, chama-se: "As Receitas do Pensador". Lembrei-me de criar um Blog de culinária onde pudesse publicar todas aquelas receitas maravilhosas que tanto adoro comer e muitas outras que vagueiam pela Net fora e que um dia gostaria de experimentar. No fundo é um blog para memória futura porque muitas vezes faço algumas experiências culinárias que resultam lindamente e depois no dia seguinte esqueço-me completamente como raio consegui fazê-las. Sou muito esquecido e como a idade tem o mau hábito de piorar esse tipo de coisas, acho que mais vale a gente prevenir-se do que estar depois a tentar remediar. Este novo Blog foi também feito a pensar numa segunda intenção. Há já algum tempo que sinto vontade de falar sobre algo que todos conhecemos no nosso dia a dia e que invade as prateleiras dos grandes hipermercados. É algo utilizado/consumido por muita gente no nosso país mas cuja qualidade continua a ser muito desconhecida para a maioria dos consumidores, havendo inclusive quem sinta alguma desconfiança em relação a ela. Refiro-me obviamente às "Marcas Brancas". Tenho procurado informação na Net sobre este tipo de produto e a verdade é que ela é muito escassa, senão mesmo nula. Também não admira, quando as pessoas souberem aquilo que tem estado a perder, acredito que elas irão ficar literalmente...chocadas. Sim, tive a sorte (ou o azar) de conhecer o desemprego várias vezes nestes últimos 10 anos e isso obrigou-me a ter que recorrer muitas vezes às empresas de trabalho temporário para poder pagar as minhas facturas. Por via das missões "temporárias" que fiz, acabei por conhecer imensas empresas ligadas ao sector alimentar e foi também ai que comecei a abrir os olhos para esta temática. Sim, temos estado a ser comidos de cebolada e sim tenho muito para vos contar. Mas para já não vou dizer-vos muito mais. Temos tempo para isso e tenho que fazer isso bem feito se não quero sujeitar-me a ser processado por nenhuma dessas empresas. Neste momento só estou um pouco indeciso no tipo de figurino que irei assumir. Ou trato das Marcas Brancas no meu Blog de culinária (com uma página especifica só para elas) ou crio um 3º Blog para tratar apenas desse tema. Não sei, tenho muito em que pensar.

03 junho, 2017

Cristiano Ronaldo, o rei do mundo...

Resultado de imagem para cristiano ronaldo

Cristiano Ronaldo, o melhor e mais famoso português de sempre, acaba de conquistar esta noite pela equipa do Real Madrid a sua 4ª taça da Liga dos Campeões da UEFA, vencendo a equipa italiana da Juventus pelo resultado expressivo de 4-1. Ronaldo marcou 2 golos na partida e já não há palavras para descrever as façanhas conseguidas por este jogador excepcional. Ele e o argentino Lionel Messi são considerados desde alguns anos para cá uns verdadeiros extraterrestres do futebol. Não há nada que chegue aos pés deles. Nada. Nem ao pé e nem sequer ao horizonte. Para além dos 2 golos que marcou e fizeram dele o melhor marcador da Champions pelo 5º ano consecutivo, aquele que já foi considerado por 4 vezes pela FIFA e pela FRANCE FOOTBALL como sendo o melhor jogador do mundo marcou também o 600º golo da sua carreira em 855 jogos oficiais, estabelecendo pela mesma via uma série de novos recordes que certamente levarão muitas décadas ou até centenas de anos a ser batidos por outro jogador. Esta noite voltou a fortalecer o seu recorde de golos nesta prova (105) e tornou-se também no primeiro jogador a marcar em três finais da Liga dos Campeões. Agora, para fechar esta época com chave de ouro, apenas lhe faltar ganhar a sua 5ª Bola de Ouro FRANCE FOOTBALL e o primeiro "THE BEST" da FIFA para igualar ou até superar tudo aquilo que Lionel Messi conseguiu conquistar até hoje, fazendo-lhe assim toda a justiça, para que o atleta português possa também ser consagrado como o melhor jogador mundial de futebol de todos os tempos. Parabéns Ronaldo e obrigado por dignificares o nome de Portugal por onde passas e por todas as alegrias que nos dás!

Donald Trump, o falso demagogo...


Resultado de imagem para trump estupido

Se o arrependimento matasse, nesta altura, se calhar, pelo menos 59 milhões de americanos já estariam debaixo da terra. Este número representa nada mais nada menos do que o número de imbecis que no passado dia 8 de Novembro de 2016 decidiram votar no pato Donald (Trump) para ocupar a posição de presidente dos Estados Unidos da América. Primeiramente, devo dizer que compreendo perfeitamente  o que levou esse universo de pessoas a cometer uma tal asneira. Embora tenha sido num quadro particularmente diferente, em Portugal também já ocorreu uma situação parecida em Janeiro de 2007 quando, numa clara ação de protesto e alguma vingança pelo rumo político seguido nos últimos 30 anos, decidiram eleger António de Oliveira Salazar para melhor português de sempre no famoso concurso promovido pela RTP. Mas mesmo com motivações tão justificadas, qual seria o maior problema de votar num idiota chapado para um cargo de tamanha responsabilidade? O maior problema estava bem visível a todos. Era a possibilidade real desse idiota poder ganhar as eleições caso houvesse muita gente com a mesma linha de pensamento. E foi precisamente isso que aconteceu. No dia seguinte às eleições...os Estados Unidos acordaram todos para a triste realidade de que tinham acabado de eleger um mentecapto para comandar a maior nação do mundo, e se a vida parecia má nessa altura, com aquele imbecil no poleiro, ela estava em vias de tornar-se verdadeiramente massacrante. É muito bonito estarmos insatisfeitos e querermos que a nossa voz consiga chegar até as mais altas esferas para revelar a nossa mensagem de protesto, mas há certas coisas que, quando se tem oportunidade e mesmo apetecendo, nunca se deve brincar. Os americanos, confiantes, atrevidos, e arrogantes como sempre foram, decidiram brincar um bocadinho e com isso colocaram as mãos (cabeça, tronco e membros) no fogo. Em Portugal há uma expressão que por vezes gostamos de dizer que é: "Ajoelhou, agora vai ter que rezar". Assim, temos muita pena meus meninos...mas agora vocês também vão ter de se queimar.
Donald Trump representa o expoente máximo do que há de pior no capitalismo. Trata-se da mais fiel representação daquilo que consideramos o autêntico e verdadeiro "porco" capitalista. Aquele que é capaz de tudo fazer pelo dinheiro, nem que tenha de vender a sua alma ao diabo ou sacrificar a sua própria família. As suas motivações para concorrer à Presidência das EUA são claras como água e nem precisam de ser enumeradas. É apenas uma. Sua única motivação, é deixar de ser podre de rico para tornar-se podre de rico elevado até ao extremo do infinito. Quer lavar-se com dinheiro, limpar-se com dinheiro, nadar em dinheiro, amar o dinheiro, fazer sexo com o dinheiro, comer notas de 5 dólares e cagar notas de 100. Correu para a presidência dos EUA apenas com o objectivo de fazer crescer/alargar ainda mais o seu império, promover os seus negócios no mundo inteiro e os negócios dos seus familiares e/ou amigos com quem mantém uma estreita relação de interesses. Conseguem imaginar quantas empresas de construção civil esfregaram as suas mãos quando, em plena campanha eleitoral, ouviram aquela coisa dizer que mal fosse eleito presidente ia construir um muro na fronteira entre os EUA e o México? Conseguem imaginar quantas empresas de diversos ramos esfregaram as suas mãos quando ouviram aquela coisa dizer que mal fosse presidente ia pôr um fim ao "Obamacare", que, entre outras coisas, obrigava toda a empresa com mais de 50 empregados a pagar um plano de saúde para todos os funcionários com mais de 30 horas de trabalho semanais? Conseguem imaginar quantas empresas fabricantes/fornecedoras de armas e material balístico diverso  (aviões, navios, misseis, etc..) esfregaram as mãos quando ouviram aquela coisa dizer que mal fosse presidente ia dar um forte impulso às despesas militares (de 500 milhões para 1 bilião de dólares!),  aumentar em 90 mil os efetivos das forças armadas, criar uma marinha com 350 navios e ter mais 100 caças, e obrigar os países participantes da NATO a contribuir com os 2% do PIB (comprar armas) que todos definiram como cota mínima anual e ninguém cumpria (exceto os EUA que tinham interesse na matéria)? É preciso dizer-vos mais? Só nestas poucas questões que referi, conseguem também imaginar os contactos, o jogo de influências, as contribuições para o partido e as movimentações imediatas que houve nos "bastidores" para que o tipo fosse bem sucedido e pudesse sair vitorioso nas eleições? Toda a gente queria mamar à custa dele!
Agora, como seria de esperar, e já depois de ter assinado ainda há dias com a Arábia Saudita o maior contrato de vendas de armas da sua história (através do seu genro), Donal Trump, consciente de que o povo americano jamais lhe atribuirá um novo mandato de presidente nas mãos, decidiu-se por fim a rasgar o tratado de Paris com o intuito de cumprir os acordos-não-oficiais que deve ter assinado com as empresas produtoras de carvão - situadas em Estados como a Virgínia Ocidental, Ohio e Pensilvânia -  e talvez para aliviar também a pressão ambiental que estava a ser exercida sobre todas as empresas americanas em geral. É inegável que a saída da América dos acordos assinados em Paris representou um claro retrocesso para o progresso e o futuro da humanidade, mas para um tipo que todos os dias come e caga dólares, cheques, avenças  e coisas assim, a humanidade é um conceito que lhe faz imensa confusão na cabeça a não ser, claro, que a cabeça, sexo e os braços dos homens sirvam de cabides para ele pendurar os seus casacos de pele e a vagina das mulheres possam também servir de terminal multibanco para ele passar o seu cartão de crédito. Enfim, no sei como toda esta comédia, esta "Trumpalhada" irá terminar, mas sinto receio que através dele a América se coloque numa situação de descrédito tão grave e tão profunda a nível de influência, parcerias e reputação internacional, que, quando o tipo for finalmente corrido a pontapé da presidência, os americanos acordem para a triste realidade de que já nada representam para o mundo e que foram atirados para o fim da fila quando poucos anos anos iam sempre a frente e tinham uma posição prestigiada em qualquer domínio. Digo "receio" porque face às particularidades dessa nação, e à fluidez do seu temperamento, acredito que os americanos não irão aceitar muito bem essa situação e quando não há forma de recuperar o "atraso" perdido através do falso arrependimento e da falsa demagogia, pode muito bem lembrar-se de ameaçar o mundo com a força dos seus argumentos "nucleares". Sim. ouviram bem. Considero que num futuro próximo, mais do que a Rússia, a China ou até a Coreia do Norte, a América irá tornar-se na principal ameaça para a paz no mundo.

01 junho, 2017

Dia Mundial da Criança 2017

Imagem relacionada

Hoje é o dia 1 de Junho de 2017 e em Portugal celebra-se o Dia Mundial da Criança. Confesso que sempre achei piada à designação deste dia porque, tratando-se de um "Dia Mundial", torna-se difícil de compreender porque razão ele é celebrado no mundo inteiro em dias diferentes. Uns celebram em Junho, outros em Abril, outros em Maio e por ai adiante. No inicio ainda pensei que pudesse ser fruto do fuso horário mas só uma cabeça muito tola poderia pensar que o planeta demora um ano a dar uma volta completa sobre si próprio. Disse só uma cabeça muito tola mas se calhar é melhor eu ficar calado porque já tenho ouvido coisas muito piores da boca de alguns indivíduos. Assim, enquanto por cá as crianças festejam alegremente este dia e nas escolas promovem-se toda uma série de iniciativas bonitas através das quais quer mostrar à miudagem um mundo colorido, brilhante e divertido, e "elefantezinhos" cor-de-rosa a saltar de flor em flor....eu, por minha vez, já ficarei todo satisfeito se até o fim do dia não aparecer na TV Cabo nenhum canal de noticias a mostrar-nos mais um barco carregado de refugiados que se tenha afundado no mediterrâneo, matando dezenas ou centenas de crianças que seguiam a bordo. Espero também não ouvir falar nos milhões e milhões de crianças que são maltratados no mundo inteiro e passam fome todos os dias, de outras tantas que são obrigadas a trabalhar mal acabam de gatinhar ou então a prostituir-se em troca de uma migalha de pão para poder ajudar a alimentar a família. Conhecendo o país como conheço, satisfaz-me saber que todas estas "questões secundárias" vão ser remetidas para a gaveta do silêncio absoluto, porque aquilo que é realmente importante fazer hoje é mostrar um desenho feito por uma criança de 5 anos a mostrar-nos o quanto o nosso mundo é lindo.