18 junho, 2011

Grande oportunidade de negócio!

Nunca tive muito jeito para o ramo dos negócios, mas, ultimamente, tenho estado a reflectir imenso sobre as oportunidades dadas por esse mundo e se não valeria a pena arriscar algum investimento/esforço extra nele, para ver se consigo atingir finalmente a minha independência económica e, fundamentalmente, se deixo de trabalhar para os outros porque, regra geral, acabo sempre por perder a minha paciência com eles e chego sempre à irritante conclusão de que eles conseguem ser todos ainda mais idiotas do que eu, inicialmente, imaginava que fossem. Situação essa que, como podem facilmente compreender, acaba por me fazer sentir mais estúpido do que sou na realidade, por estar a trabalhar para eles.
Bem...mas o que é certo é que isso está prestes a terminar porque, após muito reflectir (bom...também não foi assim tanto), meti as minhas mãos à obra (o cérebro neste caso) e sem queimar qualquer neurónio (digo eu..) surgiu no meu cérebro, que nem um D.Sebastião entre as brumas, uma ideia fascinante e inovadora, que resultou na criação mental do primeiro esboço de um produto que considero simplesmente fabuloso, por ser prático, estético, reciclável e de uma durabilidade quase infinita.
Pasmem meus amigos, mas a verdade é que mesmo sem ter formação nessa área...até já resolvi a questão do marketing e tudo...


Papel 
LIMPOKU...


Com este não te limpas tu...


Que tal? Acham que com ideias destas vou conseguir chegar lá?
É que eu estou mesmo a precisar imenso das vossas opiniões. :)
E já agora, aproveito para dizer que também estou a precisar de investidores, por isso, se houver  interessados...

***

(Ps: O prometido é devido nina...)

Sem comentários:

Enviar um comentário

A frase mais estúpida que poderá ser dita aqui é: "Para Pensador pensas pouco..."
A mais inteligente é: "És tão lindo Pensador..."