11/06/2018

Frango Bêbado na Caçarola

Imagem relacionada
Imagem da Net


Umas das carnes mais apreciadas e comidas nesta casa é o frango. Já comemos tanto frango que qualquer dia também já estamos a gritar cocorocó. Não sei vos dizer quantas versões já tentei fazer deste alimento, só sei que nunca houve nenhuma que me tivesse deixado ficar mal. Com ele quase tudo resulta bem e só temos que saber usar a nossa imaginação. Uma das minhas máximas é saber escolher sempre a melhor carne para se ter a certeza de comer também o melhor prato. Para mim o frango tem que estar sempre bem amarelo na bancada do talho, o porco tem de estar rosado e a carne de vaca tem que ser vermelha. Desconfiem sempre da carne branca porque o mais natural é que o animal fosse mal nutrido ou que estivesse doente na altura do abate. Quanto à receita resolvi fazer uma extremamente fácil, cujas origens desconheço mas que acredito ser Cozinha Portuguesa, com poucos ingredientes e poucos minutos de preparação. Com 4 ingredientes apenas, pão torrado e uma salada mista para acompanhar, preparem-se para comer um verdadeiro manjar de Reis.


Ingredientes para 4 pessoas:

- 6 Coxas ou Sobrecoxas de frango (já sabem, 3 são para o pai)
- 1 Pacote de sopa de cebola (qualquer marca)
- 1 Cerveja preta (ou mais um pouquinho...)
- 1 Raminho de salsa
- Azeite e pimenta q.b

Preparação:

Lavar os pedaços do frango, limpar com um pano ou uma toalha de papel e depois envolver cada pedaço por um preparado composto por um fio de azeite, pimenta e o pacote de sopa de cebola. Colocar os pedaços de frango lado a lado no fundo de uma panela e verter  a cerveja preta por cima. Em seguida fechar a panela e deixar descansar por 2 horas no frigorífico.
Na hora de preparar o jantar, levar a panela ainda tapada ao lume, em fogo baixo, por cerca de 1/2 hora, sem nunca mexer o cozinhado em momento nenhum. Quando o frango estiver cozido e macio e o caldo tiver reduzido um pouco, polvilhar com salsa picada e podem servir porque está pronto. Se o caldo eventualmente reduzir demasiado depressa, podem sempre acrescentar mais um pouco de cerveja ou um bocadinho de vinho branco.

Et voilà, bon appetit!

(Post em modo repeat, retirado do blog "As receitas do Pensador")

1 comentário:

A frase mais estúpida que poderá ser dita aqui é: "Para Pensador pensas pouco..."
A mais inteligente é: "És tão lindo Pensador..."