19 maio, 2018

Modos de grávida...

Não há dúvidas nenhumas de que a gravidez tem muitas vezes um efeito rejuvenescedor nas pessoas. É a melhor, mais eficaz e mais potente vitamina que se conhece. Traz mais cor à vida, levanta o animo e faz crescer dentro delas um sentimento redobrado de esperança para encarar o futuro. Mas um dos grandes problemas de se estar grávida, é que por vezes o sistema hormonal feminino fica de tal modo afectado, e recebe variações de humor de tal ordem, que, mesmo tratando-se de mulheres aparentemente já bem resolvidas e maduras, muitas vezes podem levá-las a ter que atravessar de novo a sua fase da adolescência, para não ter que dizer da infância. 

Como demonstra bem a indumentária usada por esta senhora aqui, por exemplo...


Imagem retirada daqui

Mas porque sou uma pessoa muito compreensiva, e reconhecidamente altruísta, decidi publicar uma música na demanda do que ela deve estar a sentir neste momento, para que não se sinta totalmente desapoiada e dar a falsa ilusão de que é possível ser-se jovem para sempre e talvez assim consiga ultrapassar esta fase com relativa facilidade. Se deixar de aparecer "beijocas" à Rolling Stones nos sapatos pretos tipo bruxa, é porque o pior da fase já passou...


2 comentários:

  1. Ai Francisco, não concordo nada com este post. E digo quais as razões.

    1. A gravidez nem sempre levanta o ânimo, por vezes atira as pessoas para um local nada fácil de lidar. Existem muitas mulheres que passam por este estado de forma bem complicada. Esta é a verdade.
    2. Gravidez nem sempre rejuvenesce, antes pelo contrário. No caso desta blogger da foto, uma maquilhagem profissional ajuda e muito a trazer para o rosto um brilho natural, digamos assim.
    3. Calças rasgadas - que eu também uso em ambiente informal - não são sinónimo de se vestir como uma adolescente, tão pouco sinónimo de uma mulher mal resolvida com isso da idade, terá mais a ver com a personalidade de uma pessoa, com a sua postura na vida. Umas calças rasgadas e um blusão de cabedal numa mulher que já não tem 20 anos pode ficar muito bem (e acho que ficou muito bem nesta blogger da foto), ficar bem em determinadas mulheres, mas ser um grande tiro no pé de outras. É como o cabelo comprido, existem mulheres que a partir dos 30 já não aguentam cabelos compridos, envelhece-as, e outras que conseguem toda uma vida ter um ar muito interessante de cabelos longos e cuidados. Passa sempre pelo género de pessoa que veste isto ou que usa aquilo. Nada mais. Os tempos mudaram, isso de se vestir de acordo com a idade está completamente ultrapassado. Se se tiver noção do corpo que se tem, da forma de estar na vida, pode-se usar basicamente tudo sem parecer aquilo de ridículo. Essa é que essa.

    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Maria, por aquilo que já conheço de ti, sei que iremos concordar e discordar muitas vezes, mas o respeito mutuo e a preocupação que revelamos em fundamentar sempre a nossa opinião, será sempre a ponte que nos une.

      Descansa que este post foi apenas uma critica (talvez demasiado corrosiva desta vez) àquilo que as pessoas são capazes de fazer para publicitar os seus produtos. Já há muitos anos que conheço o Blog da Pipoca e ainda não me habituei totalmente à transformação de que ele foi alvo. Ver um espaço de qualidade literária ser transformado de repente numa vulgar "loja virtual", dá-me volta às tripas e consegue arrepiar-me a ponto de benzer-me sem ser cristão. Já vi a Pipoca bem vestida, e de forma adequada à imagem dela, e já por isso acho que este seu post foi um derrapanço total. Esta não é seguramente a Pipoca que eu costumava ler. Sou da geração das calças rotas, casaco de cabedal preto, Tee-shirt branca e botas Texanas, logo, compreendo muito bem aquele estilo, mas confesso que aqueles sapatos pretos com beijinhos numa mulher trintona/quarentona matou-me a imagem adulta que tinha dela. Que posso dizer? São opiniões...

      :)

      Eliminar

A frase mais estúpida que poderá ser dita aqui é: "Para Pensador pensas pouco..."
A mais inteligente é: "És tão lindo Pensador..."