19 outubro, 2017

Fiam-se na Virgem...

Resultado de imagem para pintura terço virgem carro

Se há coisa que eu acho particularmente....vulgar, é quando vejo aquela pintura/desenho do terço com o rosto imaginado da virgem "Maria" que muita gente ganhou a mania de ostentar nos carros - muitos dos quais completamente novos - que circulam por ai. E é particularmente intrigante quando vemos esses mesmos carros serem conduzidos pelos maiores bebedolas da aldeia. Por gentinha bruta que passa os seus dias a arranjar sarilhos e pretextos para poder andar à pancada com toda a gente, ou, ainda, por alguns tipos que gostam de acelerar e fazer uma barulheira horrível quando passam na rua, só porque o cano de escape está roto e não há dinheiro para comprar outro. Isto não é uma critica para quem faz da religião um dos valores fundamentais da vida mas...porque será que estes ícones religiosos são sempre ostentados pelos maiores vândalos e os piores desgraçados da freguesia?. Acredito que isto possa ser, essencialmente, fruto de uma ideia ou vontade das mulheres porque os homens, esses, só querem vinho e cerveja enquanto elas vão todas à missa. Acredito também que isto possa ter o propósito de pedir a protecção da "Virgem" para os maus caminhos que os "Maneis" se fartam de percorrer na vida mas, a avaliar pela quantidade de carros com essa figurinha pintada que a gente já pode ver todos estoirados nos sucateiros, é caso para dizer que este "amuleto" não está a servir de nada ou então que a "Madona" não está a fazer bem o seu trabalho. Felizmente que esta moda, à semelhança de todas as outras que a precederam, também irá passar um dia mas como os carros ainda duram uns anos até sair de circulação, acho que ainda vou ter que benzer-me muitas vezes quando os vir a passar na rua....e isto apesar de não ser minimamente católico. :(

4 comentários:

  1. Há de tudo um pouco, mas muitas pessoas passam a vida a rezar aos Santinhos, missa aqui, missa acolá e depois... Em determinadas ocasiões deixam cair a máscara e é só veneno, puro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois...mas uma vez caída a máscara já mais nada os salva...
      Custa é conhecê-los, porque depois de os conhecer...

      Eliminar
  2. Mas geralmente são os que são mais brindados pela sorte.

    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sorte? Não vejo sorte nenhuma na vida que eles levam. Andam sempre nervosos, rancorosos da vida, revoltados com a sociedade, bêbedos como perdidos, a cara sempre em obras...
      Isso não é vida nem sorte. Nem sequer sobreviver chega a ser. É um puro engano de criação.

      Eliminar

A frase mais estúpida que poderá ser dita aqui é: "Para Pensador pensas pouco..."
A mais inteligente é: "És tão lindo Pensador..."