16/10/2017

Os burros felizes...

Inicialmente acaba por ser uma realidade bastante assustadora - e quiçá consternadora - constatar que os níveis de burrice já conseguem atingir tal dimensão, mas depois, após reflectirmos um pouco melhor, também se torna motivo de celebração verificar que no meio desta tropa de burros há pelo menos um que parece não ter nada a ver com aquela espécie e que, por ser alguém bastante mais esclarecido, consegue perceber a nossa linguagem e apreciar aquilo que a gente diz. Certo dia cheguei a ler no Shiuuuu o desabafo de alguém que preferia ser menos inteligente porque acreditava que desse modo poderia sentir-se mais livre e feliz. Primeiro duvidei que a ignorância pudesse ser um factor de alegria na vida das pessoas mas depois de analisar as respostas/comportamento destes anónimos (excepto o das 20h33) acabei por ficar totalmente convencido disso. Aposto que estavam muitos felizes quando julgavam que era eu que estava a fazer o papel de idiota... :)))


2 comentários:

  1. Hoje também não é grande dia para pensares em grandes coisas.

    O resto, já te disse de manhã.

    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De facto foi mais um dia de sentimentos do que de pensamentos, e, nesse campo, o dia correu-me excepcionalmente bem... :)

      Bjs

      Eliminar

A frase mais estúpida que poderá ser dita aqui é: "Para Pensador pensas pouco..."
A mais inteligente é: "És tão lindo Pensador..."